Menu
Busca domingo, 17 de novembro de 2019
(67) 9860-3221

Polícia identifica suspeito de matar líder sem-terra em Rondônia

29 maio 2011 - 10h58

A Polícia Civil de Rondônia identificou suspeitos de participação no assassinato do líder sem-terra Adelino Ramos, o Dinho, de 57 anos. O chefe do Movimento Camponês Corumbiara foi morto na última sexta-feira, em Vista Alegre do Abunã, após ser atingido por seis tiros. Segundo a polícia, Ozeas Vicente seria o autor dos disparos, conforme provas coletadas até agora. Ainda é investigado o envolvimento de outros suspeitos.

Agentes da capital auxiliam nas buscas e investigações do crime ocorrido próximo à fronteira com a Bolívia. As autoridades de Rondônia também acionaram os Estados do Amazonas e Acre, que reforçaram o policiamento em suas divisas. A Polícia Civil afirma que já providencia o pedido de prisão temporária, caso não consiga efetuar a prisão em flagrante.

Segundo a assessoria da Secretaria de Produção do Amazonas, Dinho morava em um assentamento do Incra localizado no sul de Lábrea, o município mais desmatado do Amazonas. De acordo com informações da secretaria, o agricultor vinha recebendo ameaças de madeireiros da região.

O movimento liderado por Dinho foi formado depois do massacre de Corumbiara, em Rondônia, em fevereiro de 1996, com objetivo de dar continuidade às reivindicações dos camponeses sem-terra.

Repúdio. Em nota, a Presidência repudiou o crime. "Adelino era uma liderança reconhecida na Região Norte. Há três dias o Brasil se chocou com a execução de duas lideranças em circunstâncias semelhantes, no Pará. Hoje, mais uma morte provavelmente provocada pela perseguição aos movimentos sociais. Essas práticas não podem ser rotina em nosso país e precisam de um basta imediato", diz a nota, assinada pelos ministros Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência, e Maria do Rosário, de Direitos Humanos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVA ALVORADA
Casal e bebê morrem em acidente entre carro e carreta na BR-267
UEMS/UFGD
Universidades promovem Seminário em Educação, Gênero, Raça e Etnia em Dourados
POLÍCIA
Durante operação, contrabandistas são presos com mercadorias do Paraguai
REFORMA
Senado pode concluir na terça a votação da PEC Paralela da Previdência
POLÍCIA
Homem tenta reagir a assalto, mas perde mochila com livros, dinheiro e celular
SAÚDE
Um em cada seis homens tem câncer de próstata no Brasil, alerta Inca
VELOCIDADE
Verstappen conquista a pole para o GP Brasil de F-1; Vettel é segundo
POLÍCIA
Assaltante armado pula na frente de bicicleta para roubar celular na Via Parque
FUTEBOL
Clássico entre Santos e São Paulo abre hoje a 33ª rodada do Brasileirão
ESPORTES
Tiro prático do Eco Pantanal Extremo bate recorde de inscrições

Mais Lidas

DOURADOS
Idoso é fechado por criminosos na Marcelino, é derrubado e tem moto ‘zero km’ roubada
PARANAÍBA
Guarda Municipal é preso levando 40 quilos de cocaína para Minas Gerais
PORTO MURTINHO
Velório é interrompido e corpo de menina afogada recolhido para perícia
CAARAPÓ
Prefeitura abre concurso com 174 vagas e salários de até R$ 9.172