Menu
Busca segunda, 18 de junho de 2018
(67) 9860-3221
JARDIM CLÍMAX

Polícia encontra cocaína em casa que serve como depósito

27 outubro 2017 - 08h25Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte

Ação conjunta de policiais militares da ALI (Agência Local de Inteligência) e Força Tática resultou na apreensão de 1,6 quilo de cocaína no interior de residência localizada na rua Cuiabá, Jardim Clímax, em Dourados.

Parte da droga estava em tablete e restante em dois sacos plásticos.

Na casa foram encontrados ainda 210 gramas de crack, balança de precisão e cinco munições calibre 38.

De acordo com o boletim de ocorrência, policiais monitoravam a região após informações da existência de depósito de drogas. 

Durante a batida, um rapaz conseguiu escapar e deixou no local os seus pais. Após vistoria as equipes da PM encontraram os entorpecentes e encaminharam os dois para o 1º Distrito Policial, onde foram ouvidos e liberados.

O rapaz que conseguiu fugir e outros dois, proprietários dos entorpecentes, já foram identificados e são procurados.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

ESPORTE
Definidos os campeões do estadual de beach tennis
ACORDO
Países do Mercosul assinam acordo para rótulo frontal de alerta em alimentos
FUTEBOL
Com dois de Lukaku, Bélgica derrota o Panamá por 3 a 0
41ª FESTA JUNINA DE DOURADOS
Cultura estende até esta segunda-feira inscrições para grupos de quadrilha
DE OLHO NA SAÚDE
Pessoas com doenças cardíacas não se exercitam o suficiente, diz estudo
VIAGEM NO FRIO
Fazendo a mala no inverno
TRÂNSITO
DPVAT pagou mais de 3 mil indenizações em MS de janeiro a maio
CORUMBÁ
Centro Internacional de Negócios capacita empresários sobre novo processo de exportações
MODA
Acessórios de cabelo para aquecer você neste inverno
MARAVILHA
Aprenda a fazer uma costelinha de porco com milho

Mais Lidas

ATENTADO
Suspeitos de atentado contra prefeito de Paranhos são presos
DOURADOS
Homem morre após acidente na Guaicurus
TRÁFICO
Douradense é preso após abandonar veículo carregado com maconha na BR-463
PEDRO JUAN
Jovem dado como morto pela família fronteira aparece no próprio velório