Menu
Busca quinta, 19 de julho de 2018
(67) 9860-3221

PMA prende pescadores paraguaios com 51 kg de pescado

03 junho 2011 - 13h02

Policiais Militares Ambientais de Porto Murtinho realizaram uma operação de fiscalização no rio Paraguai e Amonguijá e prenderam 02 pescadores paraguaios que praticavam pesca predatória, com utilização de redes de pesca (petrechos proibidos). Os homens foram abordados nesta quinta-feira em uma embarcação, no rio Amonguijá, afluente do rio Paraguai, pescando com redes e já haviam capturado 51 kg de pescado. O peixe foi apreendido e também 01 barco, 01 motor de popa 15 HP e 200 metros de redes de pesca.

Estanislao Rodrigues Riquelmes e Lorenço Montier, residentes em Vila Marguerita-Paraguai foram presos e encaminhados, juntamente com o material apreendido à delegacia de Polícia Civil de Porto Murtinho, onde eles foram autuados em flagrante pelo crime cometido. Devido à distância, os policiais só chegaram à delegacia na madrugada de hoje, então, o flagrante fora realizado nesta madrugada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Soja responde por 16% das exportações brasileiras no semestre
SAÚDE
Apesar de "ambiente seguro", populares devem se alertar contra o sarampo em Dourados
CAMPO GRANDE
Escola Senai da Construção oferece 210 vagas em 5 cursos gratuitos
BRASILEIRÃO
Clássicos paulista e carioca são destaques de encerramento da rodada nesta quinta
RURAL
Vazio sanitário da soja permanece em Mato Grosso do Sul
BRASIL
Receita cancela adesão de mais de 700 contribuintes ao Novo Refis
DOURADOS
UFGD promove Curso de Formação Extensionista
CINEMA
"Te Peguei!" conta história real de adultos que ainda brincam de pega-pega
CAMPO GRANDE
Corrida marca comemoração dos 90 anos da PRF
TRADIÇÃO
Festa de São Cristóvão reúne fiéis neste final de semana em Dourados

Mais Lidas

DOURADOS
“Aqui é PCC!”, disseram atiradores que mataram dupla
DOURADOS
Maconha apreendida em caminhão e casa no Água Boa totalizou mais de 4,3t
CAMPO GRANDE
Douradense é preso acusado de ser mandante de tentativa de roubo de avião
PONTA PORÃ
Jovem diz que recebeu 25 kg de maconha como pagamento por sexo