Menu
Busca terça, 19 de junho de 2018
(67) 9860-3221
FLAGRA

PM apreende carreta com 1,6 mil caixas de cigarros contrabandeados

12 março 2018 - 15h05Por Da Redação

Na manhã desta segunda (12), Policial Militar que estava em serviço  no Posto fiscal Ofaie, na divisa com o Estado de São Paulo, apreendeu uma carga com aproximadamente 1.600 caixas de cigarros, que estava sendo transportada em uma carreta com placas de Naviraí.

O policial foi acionado pela  fiscal de plantão, que  informou que um motorista havia apresentado uma nota falsa, e que suspeitava que a carga que ele transportava em seu caminhão poderia ser de cigarros.

Em abordagem ao caminhão Volvo FH com  carreta baú, o policial constatou que a carreta estava totalmente carregada com cigarros da marca Gift oriundos do Paraguai. 

O motorista evadiu-se do local quando a fiscal questionou a veracidade da nota fiscal apresentada, abandonando o veículo no pátio.

A carreta juntamente com a carga, serão apresentadas no órgão responsável.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ELEIÇÕES 2018
Cadastro para atuar como Mesário Voluntário está aberto
PISO SALARIAL
Professor de Dourados ganha quase o dobro do nacional, garante prefeitura
LAVA JATO
STF começa julgamento de ação penal contra Gleisi e Paulo Bernardo
IMUNIZAÇÃO
A três dias do fim, campanha de vacinação contra a gripe ainda precisa alcançar 10,8 milhões de pessoas
FUTEBOL
Senegal aproveita bobeiras da Polônia e vence em Moscou
INCLUSÃO
Lei inclui servidores de ex-territórios nos quadros da União
LEGISLATIVO DE MS
Projeto obriga hospitais e maternidades a orientar pais para primeiros socorros
BRASILEIRÃO
Dois jogos abrem rodada da Série B nesta terça
DOURADOS
Bombeiros são acionados para combater incêndio na Linha do Potreirito
EDUCAÇÃO
ProUni oferece 174 mil vagas; inscrições começam dia 26

Mais Lidas

PARANHOS
Testemunha de atentado a prefeito é executada
SOLIDARIEDADE
Douradense busca ajuda para conseguir manter a família
DOURADOS
Polícia fecha boca de fumo e prende homem no Clímax
PARANHOS
Calote em venda de fazenda teria motivado atentado a prefeito