Menu
Busca quarta, 19 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221
MS

Pesca na piracema rende multa de R$ 2,5 mil para homens flagrados pela PMA

22 janeiro 2020 - 11h13Por Redação

Dois homens, de 42 e 49 anos, residentes em Três Lagoas, foram autuados administrativamente e multados em R$ 2.500,00 cada um após serem flagrados por equipe da PMA (Policia Militar Ambiental) de Três Lagoas enquanto pescavam no Rio Sucuriú em pleno período de piracema.

O flagrante ocorreu na noite de terça-feira (21) e os pescadores também responderão por crime ambiental de pesca predatória, com pena prevista de um a três anos de detenção.

Segundo a PMA, os policiais abordaram os dois infratores em uma embarcação, quando iniciavam a pescaria ilegal e não tinham capturado nenhum pescado. Os pescadores afirmaram que praticavam pesca desportiva e não sabiam da proibição devido ao período de piracema. Um barco, um motor de popa e dois molinetes com varas foram apreendidos.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Governo destina equipamentos para unidades de saúde de Dourados
REGIÃO
Foragido da justiça é flagrado furtando botijão de gás
ECONOMIA
FGTS vai reduzir descontos no financiamento da casa própria em 2021
DOURADOS
Semsur recebe massa para ‘tapar buracos’ no centro e bairros críticos
MEIO AMBIENTE
Projeto une Imasul, Ministério Público e ONG na conservação das águas de Bonito
DOURADOS
Campanha contra tuberculose e hanseníase começa em março
FLAGRANTE
De folga, policial flagra roubo e apreende adolescente
PREVENÇÃO
Governo define estratégias para prevenir e combater incêndios florestais em MS
ENSINO SUPERIOR
UEMS encerra hoje inscrições para 551 vagas em 32 cursos
ECONOMIA
Indústria moveleira de MS começa ano otimista e projeta até 20% de crescimento na produção

Mais Lidas

APÓS 9 ANOS
Hipermercado fecha as portas em Dourados no final do mês
DOURADOS
Policial aposentado mata homem e diz ter sido ameaçado com faca
VIOLÊNCIA
Homem é assassinado em frente a padaria em Dourados
FRONTEIRA
Festa termina com aniversariante e convidado assassinados por pistoleiros