Menu
Busca sábado, 19 de janeiro de 2019
(67) 9860-3221

Pecuarista denuncia furto de 07 bezerros em sua propriedade

09 junho 2011 - 19h01

O pecuarista Antonio Marcos Chicarelli de 41 anos, denunciou a Polícia Civil de Vicentina, o furto de 07 bezerros, de uma propriedade localizada entre a linha do Barreirinho e Porterito, as margens da rodovia MS-147.

A vítima disse que esteve na propriedade, na manhã de terça-feira (07), para tratar das 34 cabeças de gado de corte que cria. Na quarta-feira (08), retornou a propriedade, por volta das 08h, e em companhia de um primo de sua esposa, foram até o sítio a fim de prender e transportar 07 bezerros.
Ao iniciar o embarque dos bezerros, o pecuarista percebeu que faltavam 07 bezerros, posteriormente encontrou um bezerro amarrado nas patas, há cerca de 100m da porteira que dá acesso ao sítio.

O pecuarista não tem suspeita de quem teria praticado o furto.

Fonte: Fátima News

Deixe seu Comentário

Leia Também

INTERNACIONAL
Explosão de oleoduto no México deixa pelo menos 20 mortos
OPORTUNIDADE
Projovem Urbano está com processo seletivo aberto para profissionais da área de educação
IVINHEMA
Homem denuncia roubo e moto é recuperada rapidamente
SEGURANÇA PÚBLICA
Ação policial "sitia" fronteira para evitar ataques criminosos
BRASIL
"Estou do lado da verdade", diz repórter que acusa Datena de assédio sexual
DOURADOS
Empresários pedem melhorias na geração de energia no Distrito Industrial
FUTEBOL
São Paulo e Santos entram em campo hoje no início do Paulistão
DOURADOS
Movimento prepara “carta de cassação” contra vereadores investigados por corrupção
BRASIL
OMS lista as 10 principais ameaças para a saúde em 2019
CRIME AMBIENTAL
"Pescadores ninjas" tentam afundar embarcação e fogem de abordagem

Mais Lidas

POLÍCIA
Rapaz é preso acusado de realizar ‘disk-droga’ em Dourados
DOURADOS
Investigado por corrupção, Idenor Machado volta a ser preso
FAKE NEWS
Eleandro Passaia é chamado para depor em caso de morte de jogador Daniel
DOURADOS
Consumidores reclamam dos valores nas contas e prometem protesto contra a Energisa