Menu
Busca quarta, 22 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221
BR-163

Passageira morre após homem colidir moto contra placa de sinalização em Dourados

17 agosto 2019 - 15h54Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte

Acidente registrado na tarde deste sábado (17/8) em Dourados resultou na morte de Ariane Oliveira Morel, 32. Ela era passageira de uma Honda Hornet, amarela, pilotada por Jackson Ferreira da Silva. 

O fato ocorreu na BR-163, próximo ao posto da PRF (Polícia Rodoviária Federal). 

Conforme apurado no local pelo Dourados News, o motociclista acabou perdendo o controle de direção do veículo, invadiu o canteiro central da pista e colidiu contra uma placa de sinalização. 

Com a força do impacto, o objeto chegou a ser arrancado da base.

Equipes do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e da CCR MSVia estão no local.

O condutor da moto foi encaminhado ao Hospital da Vida. Já a mulher morreu após o acidente. 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SURTO EM MOTEL
Empresário diz que só a mulher que morreu sob caminhão se drogou
TRANSFERÊNCIA
MPF diz que mudança de sede para Dourados foi por falta de estrutura
JUDICIÁRIO
Justiça revoga prisão de Policial acusado de contrabando de cigarro
EMPREGO
Orçamento de 2020 prevê 51,3 mil vagas em concursos federais
EDUCAÇÃO
Prazo de apresentação de propostas para o Future-se vai até sexta
CLORIDATO DE RANITIDINA
Laboratórios vão recolher alguns lotes de remédio para úlcera
NOVA ANDRADINA
Idosa de 82 anos apanha da nora enquanto filho filma agressão
RECURSOS
Senador Nelsinho Trad trabalha para liberar R$ 600 milhões para MS
CHAPADÃO DO SUL
Carreta carregada de adubo fica destruída após pegar fogo na MS-306
FUTEBOL
Inter vence Corinthians e está na final da Copa São Paulo

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é flagrado correndo pelado na Presidente Vargas
PARAGUAI EM ALERTA
Membros do PCC fogem de prisão em Pedro Juan; ao todo já são considerado 75 foragidos
BELLA VISTA DO NORTE
Ex-prefeito de cidade paraguaia vizinha a MS é executado a tiros
POLÍCIA
Mulheres são presas com malas ‘recheadas’ de maconha no Jardim Santo André