Menu
Busca quarta, 17 de julho de 2019
(67) 9860-3221
PARANHOS

Paraguaio é assassinado com pelo menos sete tiros de 9 milímetros

06 novembro 2017 - 08h46Por Da Redação

Um homem de 35 anos foi assassinado a tiros na noite de domingo, dia 05 de novembro, por volta das 21 horas, no km 5 do prolongamento da avenida Industrial, próximo a fazenda São João, em Paranhos, cidade localizada na fronteira com o Paraguai.

Conforme o registro policial, a vítima foi identificada como sendo o paraguaio Nelson Espindola. À polícia, a esposa da vítima relatou que por volta das 16 horas Nelson recebeu uma ligação e a avisou que precisava sair, mas logo voltaria.

A Polícia Militar foi chamada horas depois para ir até o local, que se trata de uma estrada vicinal. Segunso o site Campo Grande News, lá encontraram Nelson caído embaixo de uma motocicleta ferido nas costas e cabeça por tiros de calibre 9 milímetros.

Próximo ao corpo foram encontradas pelo menos sete cápsulas deflagradas. O local foi preservado até a chegada da Polícia Civil.

A vítima estava sem documentos e o corpo foi levado pela funerária local e só foi reconhecido pela esposa de Nelson.

Questionada, a mulher disse que desconhece qualquer motivação para o crime.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Iluminação Pública
Mesmo com cobrança suspensa, prefeitura prevê R$ 18 milhões com Cosip em 2020
BRASIL
PIB recua 0,8% no trimestre encerrado em maio, diz FGV
DEBATE
Audiência no dia 22 trata de projeto que extingue cargos indígenas
DOURADOS
Recapeamento na rua Cuiabá ‘trava’ em trecho de 10 quadras
TRÂNSITO
Colisão entre carro e caminhão mata motorista na MS-276
YOUTUBER
Kéfera dá "adeus" a vida social por causa de série: "Vai sofrer"
RIO BRILHANTE
Homem tenta atropelar policiais e abandona carro furtado com 410kg de maconha
CAMPO GRANDE
Traficante é presa vendendo maconha próximo a cemitério
DOURADOS
Classes política e empresarial cobram bancada de MS e pedem "socorro" por obras no aeroporto
INTERNACIONAL
Bolsonaro participa da Cúpula do Mercosul na Argentina

Mais Lidas

DOURADOS
Coordenadora de Ceim é exonerada e pais fazem abaixo-assinado para tentar mantê-la
POLÍCIA
Investigação vê indícios de relação entre homicídios no Jardim Pantanal e Guanabara
DOURADOS
Assassinado em conveniência já cumpriu pena por tráfico e lavagem de dinheiro
DOURADOS
Upiran entrega carta de demissão a Délia e aguarda substituto para deixar Educação