Menu
Busca quarta, 23 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
PROFANAÇÃO

Para "desfazer macumba", homem viola quatro sepulturas em cemitério

18 outubro 2017 - 10h16Por Da Redação

Fabiano Alves de Oliveira, de 31 anos, foi preso pela Polícia Militar no final da tarde desta terça-feira, dia 17 de outubro, depois de destruir quatro sepulturas do cemitério municipal do Jardim Santo Amaro, em Campo Grande. Usando uma pá e uma picareta, ele revirou as covas, expondo ossadas e corpos em decomposição. O autor foi detido por trabalhadores do local e disse à polícia que cometeu o crime para desfazer obra de macumba contra sua família.

Segundo boletim  de ocorrência registrado pela Polícia Civil, Fabiano invadiu o cemitério por volta das 16 horas e começou a violar as sepulturas, expondo restos mortais. Demonstrando bastante agressividade, foi contido pelos trabalhadores e entregue à PM. A delegada Christiane Grossi, da 7ª Delegacia de Polícia da Capital, foi ao local e constatou que os túmulos estavam bastante danificados. 

Uma das sepulturas, localizada na quadra 199, lote 138, já havia sido alvo de vandalismo em outra oportunidade. Questionado a respeito de seus atos, Fabiano confessou a investida, inclusive em data anterior, e disse que a família corria risco por conta de uma obra de macumba que ele tentava desfazer. O homem responde pelo crime de violação de sepultura e dano ao patrimônio público.

Com informações do jornal Correio do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RURAL
Plantio da safra da Soja já atingiu 12,4% em Mato Grosso do Sul
UFGD
Evento leva pesquisa e extensão à praça Antônio João nesta quarta
JUDICIÁRIO
STF retoma nesta quarta julgamento sobre prisão após 2ª instância
CIRURGIAS PLÁSTICAS
Juiz manda prender médico Rondon, condenado por mutilar pacientes
INFORME PUBLICITÁRIO
Loja de materiais de construção traz caminhões com pisos direto da fábrica e aquece a briga pelo cliente
TEMPO
Quarta-feira de sol com algumas nuvens em Dourados; não chove
CHAPADÃO DO SUL
Motociclista morre após ser atingido por carro e arremessado contra muro
ÓLEO
Senadores pedem declaração de emergência ambiental no Nordeste
AMAMBAI
Homem é suspeito de esfaquear a filha após ser denunciado por estuprá-la
PRAZO
Submissão de trabalhos para Jornada de Linguística vai até o dia 30

Mais Lidas

HAYEL BON FAKER
Homens são presos fazendo sexo em via pública em Dourados
DOURADOS
Três são presos após ‘batida’ em ‘boca de fumo’ no Jardim Pantanal
DOURADOS
“Se não pagar vocês não vão dormir, não vão ter paz”, ameaçou professora indígena presa por extorsão
DOURADOS
Suspeito de extorsão em área de conflito, policial é levado ao Presídio Militar da capital