Menu
Busca terça, 19 de junho de 2018
(67) 9860-3221
CAMPO GRANDE

Motorista que matou advogada no trânsito se apresenta e fica preso

05 novembro 2017 - 07h45Por Da Redação

João Pedro da Silva Miranda Jorge, 23, ficará preso em delegacia de pronto atendimento comunitário de Campo Grande pelo menos até amanhã (6), quando será transferido para a Terceira Delegacia de Polícia, no Bairro Carandá Bosque.

O suspeito de ter causado o acidente que matou a advogada Carolina Albuquerque Machado, na madrugada de quinta-feira, na Capital se apresentou na unidade na tarde de sábado (4) com o advogado.

De acordo com o Correio do Estado, o delegado plantonista, Alberto Carneiro, preferiu não dar entrevista à imprensa, mas informou, por meio de investigadores, que João ficará preso devido a mandado de prisão preventiva que havia sido decretado na sexta.

Por telefone, o delegado titular da 3ª DP, Geraldo Marin, disse ao Correio do Estado que o suspeito deve ser levado para a unidade na segunda-feira e ficará aguardando tranferência para o complexo penitenciáiro. A vaga será solicitada a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen).

O rapaz é apontado como o motorista que conduzia a caminhonete Nissan Frontier que atingiu veículo VW Fox, matando a advogada Carolina Albuquerque Machado, de 24 anos, e deixando ferido o filho da jovem, um menino de três anos.

João era considerado foragido desde sexta (3), quando a Justiça decretou o mandado de prisão preventiva do suspeito.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Jessica Ellen faz ensaio nu e celebra "iniciar novos ciclos"
PARANHOS
Calote em venda de fazenda teria motivado atentado a prefeito
JUSTIÇA
Acusado de tentativa de homicídio vai a júri popular nesta terça-feira
ECONOMIA
Decolar.com é multada em R$ 7,5 milhões pela prática de “geopricing”
TRÊS LAGOAS
Dupla armada rende funcionária de clínica para roubar caminhonete
FRONTEIRA
Jovem tem cabelo cortado e acusa duas mulheres de agressão
LAVA JATO
PF indicia ex-procurador Marcelo Miller e Joesley Batista por corrupção
RURAL
Produtores terão acesso online a pesquisas no setor agrícola
JUIZADO ESPECIAL
Justiça Itinerante realiza 113 casamento indígenas em Amambai
JUSTIÇA
Motorista que matou idosos no trânsito responderá processo preso

Mais Lidas

PARANHOS
Testemunha de atentado a prefeito é executada
DOURADOS
Polícia fecha boca de fumo e prende homem no Clímax
SOLIDARIEDADE
Douradense busca ajuda para conseguir manter a família
DOURADOS
Mulher é presa em posto de saúde com moto furtada há dois anos