Menu
Busca segunda, 15 de julho de 2019
(67) 9860-3221
HOMICÍDIO

Motorista de aplicativo é assassinado ao chegar em condomínio

14 maio 2019 - 08h03Por Da Redação

Rafael Baron, 24, que atua como motorista de aplicativo foi assassinado na noite de segunda-feira (13/5), após levar dois tiros que atingiram seu pescoço e braço. Ele havia acabado de chegar em um condomínio residencial no Jardim Campo Nobre, em Campo Grande.

A vítima trafegava num VW Gol, conforme informações do site Midiamax, quando ocorreu abordagem realizada por um homem.

O autor efetuou dois disparos de arma de fogo atingindo o rapaz no pescoço e braço que não chegou a descer do carro. Não há informações se ele foi chamado pelo próprio autor para corrida.

A carteira com documentos pessoais da vítima não foi encontrada, a Polícia acredita que possa ter sido levada pelo autor. Ainda segundo o site, no local não tem câmeras de segurança em funcionamento.

O caso foi registrado como roubo majorado, se da violência resulta morte na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Homem é morto no Jardim Pantanal; segundo homicídio da noite
STREAMING
Série brasileira que vai mostrar realidade na favela estreia em agosto
DOURADOS
Homem é assassinado a tiros em conveniência
ECONOMIA
Dólar fecha em alta, seguindo exterior e de olho em reforma da Previdência
DOURADOS
Homem é baleado no Jardim Pelicano
BR-463
Homem tenta fugir e acaba preso com meia tonelada de maconha
CAMPO GRANDE
Banco é condenado a restituir cliente vítima de fraude
IDENTIFICAÇÃO
TSE vai definir primeiras cidades que vão emitir DNI
MS-276
Caminhonete bate em carreta e deixa uma pessoa morta
CLIMA
Após tardes quentes, frio deve voltar na quarta em Dourados

Mais Lidas

VIOLÊNCIA
Mulher é presa após espancar a filha de 4 anos em Dourados
TRÂNSITO
Acidente na Coronel Ponciano mata motociclista, deixa passageira ferida e motorista foge
DOURADOS
Homem morre após ser esfaqueado em bar na Vila Rosa
DIOCLÉCIO ARTUZI
Após denúncia por som alto, mulher, filho e nora agridem vizinhos e danificam casa das vítimas