Menu
Busca quinta, 21 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221

Monstro: Padrasto espanca e mata bebê por chorar demais

17 maio 2011 - 19h56

Uma criança de um ano e quatro meses foi morta na segunda-feira (16) em Campo Alegre (a 234 km de Florianópolis) após ser espancada.

O padrasto dela, Luciano Antônio da Silva, 29, confessou que batia na menina e que a queimava porque ela chorava demais, de acordo com o delegado Gustavo Henrique Gomes Batista.

O corpo da criança tinha lesões provocadas há duas semanas, ainda segundo o delegado. Havia arranhões no pescoço, ferimentos nas orelhas e queimaduras nos dedos dos pés e das mãos.

Segundo o policial, ontem a mãe do bebê, Sirlei de Fátima Lima, 36, foi à cidade de Jaraguá do Sul (SC) com o filho de 18 anos e deixou a criança com o companheiro. Lima e Silva moram juntos há nove meses.

O delegado disse que Silva afirmou, em depoimento, que deu socos na barriga da menina porque ela estava chorando muito. Quando ela parou de chorar, deu a mamadeira para a criança tomar.

O bebê passou mal, vomitou e acabou se engasgando. Silva chamou os bombeiros para socorrê-lo, ainda de acordo com o delegado. A criança, porém, chegou morta ao hospital.

O laudo do IML será concluído amanhã (18). Batista disse, porém, que já recebeu informações que apontam insuficiência hepática como a causa da morte. "Os socos romperam o fígado e o baço."

A mãe da menina afirmou ao delegado que não sabia que a filha era vítima de agressões. Falou também que achava que os dedos da criança estavam machucados porque ela os havia prendido na porta.

Silva foi preso em flagrante e encaminhado ao presídio de Mafra (a 310 km de Florianópolis). Ele será indiciado sob suspeita de crime de tortura qualificado por morte.

Segundo o delegado, a mãe também poderá responder criminalmente caso haja indícios de que ela soubesse das agressões

Deixe seu Comentário

Leia Também

PASSOU MAL
Fernanda Montenegro é hospitalizada no Rio de Janeiro
DUPLICAÇÃO
Concessão da BR-163 pode passar por revisão contratual
DOURADOS
Palestra com ênfase na cobrança do ICMS será realizada em março
AMAMBAI
Homem mata a ex-mulher a facadas na frente dos sete filhos
BRASIL
Fachin vota para enquadrar homofobia como crime de racismo
FRONTEIRA
Técnico de informática é alvo de atentado após se meter em briga de casal
CULTURA
TVE Cultura homenageia Dino Rocha com exibição de “O Milagre de Santa Luzia”
ASSEMBLEIA
Aprovada comissão de divisas territoriais e regularização fundiária
REIVINDICAÇÃO
Reinaldo Azambuja reforça necessidade da regularização fundiária em MS
INTERNACIONAL
Maduro diz que fechará fronteira da Venezuela com o Brasil nesta quinta

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher que encomendou morte de marido é transferida para presídio
JARDIM PIRATININGA
Recém-nascida é encontrada sob tanque de lavar roupas em Dourados
DOURADOS
Investigado por estupro de enteadas, homem é preso com pornografia infantil no celular
DOURADOS
Para não ser preso, foragido do Semiaberto entra em luta corporal com guarda municipal