Menu
Busca terça, 21 de maio de 2019
(67) 9860-3221
MERCADORIAS ILEGAIS

Dupla é flagrada contrabandeando whisky e outras bebidas em MS

06 novembro 2017 - 08h24Por Da redação

A Polícia Rodoviária Federal (PRF), apreendeu na manhã de sábado (04), na BR-163, em Juti, mercadorias sem liberação. Os policiais deram ordem de parada a um Fiat/Uno Mille Way com placas de Sorriso (MT), conduzido por um homem de 29 anos tendo como passageiro, outro de 23 anos.

No veículo havia vários fardos azuis e amarelos, que os ocupantes informaram serem mantas. Ainda foram encontradas algumas garrafas de whisky, espumante, vodca além de peças de roupas, cosméticos e eletrônicos.

Os infratores informaram também que os itens foram adquiridos em Salto Del Guayra, no Paraguai, e seriam levados para a cidade de Sorriso (MT), onde seriam comercializados.

Diante da quantidade de produtos e valores estimados, as mercadorias e o veículo foram encaminhados à Receita Federal de Mundo Novo.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CRIME AMBIENTAL
Paranaense é autuado em R$ 12 mil por armazenamento de madeira ilegal
CONCURSO
IBGE lança edital com 209 vagas de recenseador e agente censitário
CAPITAL
Travesti é suspeita de matar vendedor de 48 anos com 14 facadas
SELEÇÃO
UEMS abre inscrições para processo seletivo de professores temporários
FRONTEIRA
Homem é preso com veículo adulterado e direção perigosa na MS-386
ADOLESCENTES
Governo vai lançar campanha de incentivo à adoção tardia
DOURADOS
Comemoração ao mês do Trabalhador terá ações na UEMS Dourados
PATRIMÔNIO LITERÁRIO
Chico Buarque ganha o Prêmio Camões 2019 pelo conjunto da obra
INOCÊNCIA
Polícia prende dupla por corrupção de menor e tráfico de drogas
JULGAMENTO
STF adia decisão sobre denúncia contra parlamentares do PP

Mais Lidas

ITAPORÃ
PM da reserva morre em acidente próximo a ponte do Rio Santa Maria
DOURADOS
Comissão vota contra o próprio parecer e Idenor se salva de cassação
EDUCAÇÃO
Inscrições do Encceja 2019 começam nesta segunda-feira
DOURADOS
Ex-líder da prefeita Délia Razuk é alvo de pedido de cassação