Menu
Busca terça, 18 de junho de 2019
(67) 9860-3221
CAPITAL

Membro do PCC ‘especializado’ em arremessar droga para dentro de presídios é preso

Prisão ocorreu no Jardim Noroeste, na madrugada deste domingo; Foi presa ainda uma mulher que registrava o crime em fotos e outra que era dona da cada onde estava o entorpecente.

19 maio 2019 - 10h35Por G1MS

A Polícia Militar prendeu na madrugada deste domingo (19), em Campo Grande, um membro da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), que admitiu ser especialista em uma modalidade de tráfico de drogas chamada de “pombo”, em razão de se caracterizar por arremessos de porções de entorpecente para dentro de presídios.

A prisão ocorreu durante uma ronda no bairro Jardim Noroeste. Na checagem dos dados de um jovem, de 25 anos, os militares descobriram que ele estava evadido do sistema prisional desde fevereiro deste ano e que havia um mandato de prisão expedido em abril.

Havia ainda contra o jovem, o registro no sistema de polícia de duas ocorrências o envolvendo, uma de ameaça e participação em organização criminosa e outra de tráfico de drogas. As duas, de março deste ano.

Questionado sobre esses casos, o suspeito disse aos policiais que fazia tráfico, arremessando as drogas para dentro de presídios. Ele, inclusive, mostrou algumas fotos que registravam as ações criminosas. O jovem ainda indicou onde estaria guardada parte da droga, uma outra casa no mesmo bairro.

No local indicado foram encontradas duas mulheres. Uma de 30 anos, que se apresentou como dona da casa e que revelou que seu marido era detento do Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande.

A outra, admitiu que tinha tirado a foto encontrada no celular do suspeito e indicou ainda onde teria “guardado” a droga indicada por ele. Na geladeira estavam sete porções de maconha e no meio de roupas 106 gramas de cocaína. Foram encontrados ainda no imóvel uma tesoura e três rolos de fita adesiva, que seriam usados para embalar o entorpecente.

A dona da casa alegou que não sabia que as drogas estavam escondidas na residência, mas, assim como a outra mulher e o suspeito, foi presa e encaminhada para a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Centro, onde os três foram autuados por tráfico de drogas e associação criminosa.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Após intervenção, Délia nomeia novo diretor administrativo para Funsaud
RODOVIAS FEDERAIS
Operação Corpus Christi começa nesta quarta-feira
CAMPO GRANDE
Açougueiro é preso após ser flagrado furtando picanha de mercado
POLÊMICA
Atriz fala sobre aborto depois de morte da personagem em "A Dona do Pedaço"
DOURADOS
Assentado é multado por explorar madeira em área protegida
MODA E CIA
Jeans no inverno: como usar a camisa e a jaqueta de forma estilosa na estação
BRASIL
MP que facilita leilões de bens apreendidos de traficantes é publicada em Diário Oficial
ÁGUA CLARA
Abordagens terminam com apreensão de skunk e maconha; drogas totalizaram mais de 800kg
TRÂNSITO
Agepan fiscaliza e orienta motoristas sobre prática de carona amiga
ESTÉTICA
Conheça o sabonete de limpeza ideal para cada tipo de pele

Mais Lidas

AQUIDAUANA
Douradense desaparece nas águas do rio Aquidauana durante banho
PARAGUAI
Motim termina com 10 mortos e presos queimados e decapitados
MASSACRE EM SAN PEDRO
Ministro paraguaio promete expulsar membros do PCC após motim com 10 mortos
PONTA PORÃ
Mulher grávida é assassinada com 4 tiros na região de fronteira