Menu
Busca quinta, 20 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Lula tem orgulho da Polícia Federal diz ministro

28 março 2005 - 15h19

O ministro da Justiça, Márcio Thomaz Bastos, afirmou hoje (28) que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem "grande orgulho" da Polícia Federal. Segundo Bastos, que disse transmitir um recado do presidente, a expectativa é de que "a PF continue a fazer o trabalho de segurança de Estado, impessoal, que não persegue, que não protege, que trabalha na direção de um Brasil seguro". Thomaz Bastos participou da inauguração do novo prédio do Instituto Nacional de Criminalística (INC), em Brasília, em comemoração ao 61º aniversário da Polícia Federal (PF).O novo Instituto Nacional de Criminalística começa a operar com cerca de 200 funcionários, mas, até 2007, o número de peritos deve dobrar. O INC é o órgão central da criminalística na PF e tem como finalidade orientar, coordenar, controlar e avaliar as atividades de criminalística dos órgãos centrais, superintendências e delegacias.Bastos disse que o novo instituto representa mais um degrau na escada em direção a uma polícia que privilegia, por exemplo, o planejamento, a inteligência e o uso dos recursos modernos de investigação. Entre os quais, citou o monitoramento telefônico, o DNA e a prisão temporária, que, segundo o ministro da justiça, não é uma medida de coerção, mas sim uma ferramenta de investigação. "Hoje não se pode mais investigar simplesmente um caso de corrupção. É preciso que se investigue também a lavagem de dinheiro, que é causa final desse crime de corrupção e, desse modo, é necessário que se tenha uma ação integrada e científica nesse novo paradigma que é a polícia científica", afirmou. Thomaz Bastos disse também que o governo vai continuar com o trabalho de construção de um sistema único de segurança pública no Brasil, com a interpenetração de experiências federais, das secretarias de Segurança Pública, das polícias civis e das polícias militares.O diretor do Instituto de Criminalística, Otávio Brandão Caldas Neto, ressaltou que o novo instituto é um marco para a criminalística brasileira. "Nós vamos ter condições de receber os equipamentos que estão previstos no projeto Promatec, indispensáveis para os peritos que vão realizar os exames e produzir os respectivos laudos", disse

Deixe seu Comentário

Leia Também

IGUATEMI
Conduta de cabo que matou sogro a tiros em fazenda será investigada
AEDES AEGYPTI
Paraguai decreta situação de emergência por conta da dengue
CAPITAL
Mulher desaparece após dizer que iria fazer tratamento em hospital
BRASIL
BC lança sistema que promete transferir dinheiro em até 10 segundos
CAMPO GRANDE
Após ser diagnosticada com doença rara, menina de 5 anos morre em hospital
REGIÃO
Procon aciona MPE para combater abusos na venda de combustíveis
JUSTIÇA
Réu por assassinato, filho foi escondido pela mãe o tempo todo
BRASIL
CGU vai fiscalizar os municípios de Caracol e Miranda em 2020
CRISE
Força Nacional será enviada ao Ceará após motim e tiros contra Cid Gomes
OPORTUNIDADE
Hospital Regional abre edital para processo seletivo com 27 vagas para profissionais da saúde

Mais Lidas

APÓS 9 ANOS
Hipermercado fecha as portas em Dourados no final do mês
DOURADOS
Policial aposentado mata homem e diz ter sido ameaçado com faca
VIOLÊNCIA
Homem é assassinado em frente a padaria em Dourados
DOURADOS
Júri termina com réu condenado a 15 anos por matar desafeto em 2018