Menu
Busca sábado, 19 de janeiro de 2019
(67) 9860-3221
DOURADOS

Ladrão é espancado e vai parar no hospital após tentar roubar mulheres no Flórida

17 outubro 2017 - 08h14Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte

Patrick Batista Ribeiro, morador na região do Parque do Lago, em Dourados, foi espancado por populares na noite de segunda-feira (16) após tentar assaltar duas mulheres na rua Manoel Machado Leonardo, Jardim Flórida.

De acordo com o boletim de ocorrência, por volta de 19h, as vítimas caminhavam à igreja quando foram abordadas pelo suspeito, que de bicicleta e em posse de uma faca, anunciou o roubo.

Durante a ação, Patrick acabou cortando o dedo de uma das mulheres. 

Ela gritou por socorro e populares se aproximaram, começando a agredi-lo até a chegada da Guarda Municipal.

Encaminhado ao 1º Distrito Policial, o rapaz foi autuado em flagrante por tentativa de roubo e depois levado até o Hospital da Vida, onde permanece internado com vários ferimentos.

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
Cleo Pires arrasa de topless na praia e comenta o bronze: "torrada na foto"
SATURAÇÃO
Operação reforça abordagens a suspeitos e veículos na fronteira
JORNAL NACIONAL
Coaf aponta que Flávio Bolsonaro recebeu 48 depósitos suspeitos em 1 mês
IVINHEMA
Colisão envolvendo carreta e caminhão deixa motorista ferido
BALANÇA COMERCIAL
Com US$ 102 bi, agronegócio bate recorde de exportação em 2018
NOVA ANDRADINA
Polícia encontra 70 litros de cachaça artesanal com detentos em presídio
DE OLHO NO CÉU
Madrugada da próxima segunda-feira terá eclipse lunar total
CAMPO GRANDE
Ladrões são flagrados roubando telhado de empresa industrial
JUSTIÇA
Dois são condenados por falsificar documento para obter CNH
DE GRAÇA
Estão abertas as inscrições para aula de zumba na UFGD

Mais Lidas

POLÍCIA
Rapaz é preso acusado de realizar ‘disk-droga’ em Dourados
FAKE NEWS
Eleandro Passaia é chamado para depor em caso de morte de jogador Daniel
DOURADOS
Investigado por corrupção, Idenor Machado volta a ser preso
DOURADOS
Polícia não encontra e João Fava Neto é considerado foragido da Justiça