Menu
Busca terça, 15 de outubro de 2019
(67) 9860-3221
SIDROLÂNDIA

Jovem procura a polícia após ter vídeo íntimo divulgado no WhatsApp

08 outubro 2019 - 20h50Por Da redação

Na manhã desta terça-feira, dia 08 de outubro, uma jovem de 18 anos procurou a polícia após descobrir que teve vídeo íntimo divulgado em grupos de WhatsApp. De acordo com o site Midiamax, a menina é moradora em Sidrolândia, e acredita que o ex-namorado seja o responsável pelo crime.

Conforme o boletim de ocorrência, a jovem ficou sabendo por amigos que um vídeo íntimo dela estava sendo compartilhado em vários grupos de WhatsApp. Ela afirma que a única pessoa que tinha acesso ao vídeo era o ex-namorado, com quem terminou relacionamento há aproximadamente um mês.

A vítima afirma que o rapaz tentou reatar o namoro, mas ela não aceitou e o bloqueou das redes sociais. Ela acredita que ele tenha cometido o crime como forma de vingança. O caso é investigado e tratado pela polícia como divulgação de cena de sexo ou pornografia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

Agronegócio
Antes de plantar, MS já vendeu 26% da safra de soja
ASSEMBLEIA
Deputados devem votar nove projetos na sessão ordinária desta terça-feira
DOURADOS
Com licitação suspensa pelo TCE, prefeitura prorroga contrato de limpeza pública por R$ 7 milhões
SAÚDE
Transtornos de Ansiedade
AUMENTO NOS VALORES
Nova cota para compras em free shops começa em 2020, diz presidente
TRÊS LAGOAS
Corpo de empresário é encontrado após mais de 48h de buscas
NEGÓCIOS & CIA
Conheça O Curso De Educação Física (Graduação Plena) Da Unip Polo Dourados-Ms
VILA UBIRATAN
Gangue rouba homem próximo a escola
DOURADOS
Secretário crê em reequilíbrio das contas públicas para pagar 13º em dezembro
IMUNIZAÇÃO
Iagro define calendário de vacinação contra febre aftosa em Mato Grosso do Sul

Mais Lidas

DOURADOS
Comandante da Guarda manda recolher modelos de espingardas que causaram morte de homem
CORUMBÁ
Corpos de trabalhadores mortos em fazenda são levados para Guia Lopes
DOURADOS
Homem é espancado por grupo no Centro durante roubo
PEDRO JUAN
Motorista de aplicativo é morto com 15 tiros na fronteira