Menu
Busca terça, 19 de junho de 2018
(67) 9860-3221
PARAGUAI

Jornalista é preso na fronteira por suposto envolvimento com o PCC

06 dezembro 2017 - 15h35Por Da Redação

Uma foto ao lado de supostos integrantes da facção criminosa PCC levou para a prisão o jornalista paraguaio que atua na região de fronteira, Sandro Saúl Sánches, conforme informa o site do jornal ABC Color. 
Ele nega que tenha qualquer tipo de envolvimento com a facção.

“Infelizmente meses atrás saiu uma foto minha com pessoas que eu desconheço”, disse ao veículo de comunicação do país vizinho. 

A alegação é que os envolvidos na imagem são clientes do consultório de sua irmã, que é dentista.

Ainda conforme o ABC Color, no momento de sua prisão, Sánches tentou se esconder em um supermercado, já que não sabia que se tratava de policiais. O jornalista, morador em Pedro Juan Caballero, alega não possuir qualquer tipo de pendencias judiciais. 

A prisão do rapaz ocorreu na madrugada desta quarta-feira. 

Pela manhã, de acordo com o jornal paraguaio, policiais realizaram vistorias na casa do rapaz e não encontraram nenhuma ligação entre o suspeito e a facção criminosa. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Jessica Ellen faz ensaio nu e celebra "iniciar novos ciclos"
PARANHOS
Calote em venda de fazenda teria motivado atentado a prefeito
JUSTIÇA
Acusado de tentativa de homicídio vai a júri popular nesta terça-feira
ECONOMIA
Decolar.com é multada em R$ 7,5 milhões pela prática de “geopricing”
TRÊS LAGOAS
Dupla armada rende funcionária de clínica para roubar caminhonete
FRONTEIRA
Jovem tem cabelo cortado e acusa duas mulheres de agressão
LAVA JATO
PF indicia ex-procurador Marcelo Miller e Joesley Batista por corrupção
RURAL
Produtores terão acesso online a pesquisas no setor agrícola
JUIZADO ESPECIAL
Justiça Itinerante realiza 113 casamento indígenas em Amambai
JUSTIÇA
Motorista que matou idosos no trânsito responderá processo preso

Mais Lidas

PARANHOS
Testemunha de atentado a prefeito é executada
DOURADOS
Polícia fecha boca de fumo e prende homem no Clímax
SOLIDARIEDADE
Douradense busca ajuda para conseguir manter a família
DOURADOS
Mulher é presa em posto de saúde com moto furtada há dois anos