Menu
Busca sábado, 21 de julho de 2018
(67) 9860-3221
MEIO AMBIENTE

Indígena é preso na região de fronteira com rifles e munições ilegais

20 outubro 2017 - 10h59Por Da Redação

Durante fiscalização em uma estrada vicinal na zona rural do município de Bela Vista, localizada na fronteira com o Paraguai, nas proximidades da Vila Damacê, a 45 km da cidade, Policiais Militares Ambientais prenderam no final da tarde desta quinta-feira, dia 19 de outubro, um indígena de 33 anos por porte ilegal de armas e munições.

O infrator caminhava pela na rodovia MS-384 e estava com dois rifles calibre 22 e cinco munições do mesmo calibre. As armas e as munições não possuíam documentação e foram apreendidas. A PMA suspeita que ele praticava caça ilegal na região.

O infrator, residente em Bela Vista, foi preso e encaminhado, juntamente com o material apreendido, à delegacia de Polícia Civil de Bela Vista, onde ele foi autuado em flagrante por crime de porte ilegal de arma. A pena para esse crime é de dois a quatro anos de prisão.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Dany Bananinha exibe suas curvas na ilha de Fernando de Noronha
DOIS IRMÃOS DO BURITI
Detentos tiram fotos e atualizam Facebook de dentro de presídio
MEDIDA PROVISÓRIA
Governo Federal cria fundo nacional de desenvolvimento ferroviário
ECONOMIA
Preço da gasolina sobe após 6 semanas seguidas de queda, diz ANP
ECONOMIA
Prazo para atualização do Cadastro Único é prorrogado até 17 de agosto
TRÊS LAGOAS
Retirada da carreta que tombou na BR-158 demorou mais de 5 horas
TECNOLOGIA
Whatsapp anuncia testes contra disseminação de fake news
NOVA ANDRADINA
Taxista tenta desviar de buraco e capota veículo na MS-134
ELEIÇÕES 2018
Solidariedade ameaça deixar 'Blocão' após se aproximar de Alckmin
BOAS PRÁTICAS
Grupo de Brasília visita o HU de Dourados e conhece assistência a indígenas

Mais Lidas

ALBINO COM A JOAQUIM
Músico morre quatro dias após acidente no Centro de Dourados
LAMA ASFÁLTICA
Puccinelli, filho e advogado são presos na Capital
DOURADOS
Vereador é assaltado por dupla armada ao chegar em casa
CAARAPÓ
Ação conjunta prende trio suspeito de roubo a joalheria