Menu
Busca segunda, 22 de outubro de 2018
(67) 9860-3221
RIO VERDE

Homem perde controle, é arremessado de caminhonete e morre esmagado

12 outubro 2017 - 07h01Por Da Redação

Josevaldo da Silva Santos, de 32 anos, morreu esmagado após ser perder o controle de direção da caminhonete que dirigia, ser arremessado do veículo por estar sem cinto de segurança e esmagado pelo próprio automóvel. O acidente aconteceu na madrugada desta quarta-feira, dia 11 de outubro, na Serra da Alegria, em Rio Verde de Mato Grosso, na região do Pantanal.

Josevaldo conduzia uma Toyota Hilux com placas de Miranda, quando perdeu o controle de direção em uma curva e capotou. Sem cinto, ele foi arremessado para fora e esmagado pela caminhonete, segundo informações do site Edição de Notícias.

A vítima era funcionária de uma fazenda do Pantanal e seguia no sentido a rodovia BR-163. O acidente aconteceu a aproximadamente 10 quilômetros da rodovia. Uma equipe da Polícia Militar e peritos da Polícia Civil estiveram no local.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
Talitha Morete, repórter do "Mais Você", exibe boa forma em praia carioca
ANHANGUERA
Palestra do BNDES chega a Dourados na próxima quarta-feira
FRONTEIRA
Dois são presos acusados de invadirem agência de cooperativa de crédito
RURAL
Produtores de MS já plantaram mais da metade da nova safra de soja
PARAGUAI
Homem sofre atentado a tiros e morre a caminho do hospital
PRÁTICA ABUSIVA
Tim é multada em R$ 50 milhões por "derrubada" de chamadas
EDUCAÇÃO
Professor apresenta projetos de pesquisa da UEMS em Nova York
IMBRÓGLIO
O que se sabe sobre a troca de tiros entre policiais de Minas e São Paulo
UFGD
Estudantes de Artes Cênicas convidam para 1ª Mostra NAC
CONCURSO
Marinha abre inscrições para cerca de 400 vagas a oficiais temporários

Mais Lidas

OPERAÇÃO SATURAÇÃO
Megaoperação cumpre dezenas de mandados de prisão em Dourados
RIO BRILHANTE
Caminhonete invade pista, bate em motocicleta e mata casal
CANAÃ
Órgãos de segurança fecham festa organizada através do WhatsApp
DOURADOS
Ação contou com apoio de 4 delegacias da Capital e cumpriu mais de 40 mandados de prisão