Menu
Busca quarta, 14 de novembro de 2018
(67) 9860-3221
BARBÁRIE

Homem paga com droga para mulher atear fogo em sua mãe

02 julho 2015 - 17h45

Renato Rosa Gomes, 27, e Aparecida Farias de Souza, 31, foram presos na manhã de quarta-feira (1) em Maracaju. O rapaz é acusado de ter contratado a mulher para atear fogo em sua mãe, de 47 anos de idade. O pagamento pela ação teria sido feito com duas porções de maconha.

De acordo com o Maracaju Speed, a Polícia Militar foi acionada para comparecer no Hospital local onde a vítima apresentava queimaduras de 2ª e 3º graus no rosto, tórax e braços.

Ao ouvir depoimento da filha da mulher, os policiais chegaram até Aparecida, que confessou ter realizada a ação.

Durante investigações, a equipe de policiais civis chegaram a Renato e descobriram que horas antes de sofrer as queimaduras, a mãe do rapaz teria chamado a PM para determinar que ele desligasse um aparelho de som que estava em volume alto, causando revolta por parte dele.

Ainda conforme o site, depois de fazer o acordo com a autora a cometer o ato, o rapaz permaneceu mais de meia hora vendo a vítima agonizar sem chamar por socorro.

Os dois foram presos e Aparecida levada à Penitenciária Feminina de Rio Brilhante, enquanto Renato foi trazido para a PED (Penitenciária Estadual de Dourados).

Deixe seu Comentário

Leia Também

DEVOLUÇÃO
Receita paga sexta-feira restituições do sexto lote do IRPF de 2018
CASA NOVA
Reforma e ampliação do Fórum de Nova Andradina será entregue dia 20
NOVOS CANAIS
Disque Lâmpada da Semsur agora terá número de WhatsApp e e-mail
PEDRO JUAN
“Arquivo vivo”, advogada executada na fronteira ameaçava autoridades
LAVA JATO
Após 3 horas, termina depoimento de Lula no caso do sítio de Atibaia
ELDORADO
Vereador morre em acidente na rodovia BR-163 próximo a Itaquiraí
UFGD
Projeto para construção de aeromodelos está com inscrições abertas
CAMPO GRANDE
Pedestre que teve perna esmagada em acidente morre em hospital
RURAL
Iagro divulga regras para declaração do saldo de caprinos e ovinos
ENSINO SUPERIOR
Local de prova do Enade 2018 pode ser conferido no cartão de inscrição

Mais Lidas

PEDRO JUAN
Advogada de narcotraficantes brasileiros morre após atentado na fronteira
PARAGUAI
Polícia paraguaia acredita que pistoleiros brasileiros mataram advogada
FRONTEIRA
Mulher é assassinada a tiros, quase um ano após execução do marido
PEDRO JUAN CABALLERO
Vídeo mostra momento em que advogada é atingida por pistoleiros