Menu
Busca segunda, 21 de maio de 2018
(67) 9860-3221
TRIBUNAL DE CONTAS
AMAMBAI

Homem morre eletrocutado após encostar em fios de alta tensão

24 outubro 2017 - 10h26Por Da Redação

O eletricista, Jean Roberto Pereira Weiss Ramos, 29 anos, morreu eletrocutado enquanto fazia manutenção de uma rede elétrica de alta tensão. O acidente aconteceu na tarde desta segunda-feira, dia 23 de outubro, na zona rural do município de Amambai, na região de fronteira com o Paraguai.

Conforme informações do site A Gazeta News, Jean prestava serviços para a empresa de energia elétrica e trabalhava na manutenção de uma rede de eletrificação rural localizada na rodovia MS-289 trecho que liga Amambai a Juti, na região do Conjunto Habitacional Nossa Senhora Aparecida, quando encostou em um fio energizado.

Colegas de Jean acionaram o Corpo de Bombeiros e tentaram reanimar o eletricista, mas sem sucesso. Um colega de trabalho informou que eles teriam adotado todas as medidas preventivas para dar início à manutenção da rede de alta tensão por onde passam 7.900 volts.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PARALISAÇÃO
Caminhoneiros liberam rodovias mas retoman protesto amanhã
CONCURSO
UFGD abre vagas para contratação de professores visitantes
CAMPO GRANDE
Mulher leva martelada na cabeça e é mantida em cárcere privado
ELEIÇÕES
Partidos políticos poderão realizar convenções entre julho e agosto
FUTEBOL
12 equipes já garantiram vagas na 3ª fase da Copa Assomasul
SUMIÇO
Menino de 11 anos vai ao judô e desaparece ao voltar para casa
ELEIÇÕES
Temer avisa interlocutores que lançará Meirelles ao Planalto
RECORRÊNCIA
Assaltos a agências dos Correios levam MPT a ajuizar ação civil
CINEMA
Vencedores da MAD destacam estímulo à produção audiovisual no MS
ESTELIONATÁRIOS
Receita Federal alerta para golpe contra tomadores de empréstimos

Mais Lidas

FLAGRANTE
Policial aposentado é preso com cocaína em Dourados
BR-163
Caminhonete carregada com maconha é encontrada abandonada em posto de Dourados
CAMPO GRANDE
Chefe de quadrilha investigada pela PF foge de presídio
PEDRO JUAN
Mulher é executada a tiros na fronteira