Menu
Busca sexta, 19 de abril de 2019
(67) 9860-3221
MEIO AMBIENTE

Homem é preso com papagaios e pássaros em operação preventiva

29 setembro 2017 - 07h30

Este é um período preocupante para a PMA com relação ao tráfico de animais silvestres, pois, de agosto a dezembro é o período de reprodução do papagaio que é a espécie mais traficada no Estado. Devido a alguns levantamentos preocupantes realizados pelo Setor de Inteligência relacionados com relação ao tráfico de animais, a PMA está realizando trabalhos preventivos nas propriedades rurais, por meio de informação da legislação e Educação Ambiental, visto que o modus operandi principal dos traficantes é de aliciamento dos sitiantes. assentados e funcionários de propriedades rurais, para que retirem os animais e os avisem para que os comprem. Muitas pessoas fazem isto, às vezes, sem saber que estão cometendo crime ambiental.

A região principal do problema está sendo monitorada, tais como, os municípios de Jateí, Batayporã, Bataguassu, Ivinhema, Novo Horizonte do Sul, Anaurilândia, Santa Rita do Pardo, Nova Andradina e Brasilândia, além de Naviraí e Mundo Novo. Nessa região, ninhos também estão sendo monitorados pelos Policiais, para evitar a retirada dos filhotes, visto que essa é a preocupação maior. A base do trabalho é evitar a retirada das aves, evitando custos à fauna e ao Estado, tendo em vista os altos custos financeiros, até a reintrodução dos filhotes na natureza.

Ontem, dia 28 de setembro, equipes da PMA de Batayporã, enquanto realizavam prevenção e orientação nas propriedades rurais e assentamentos, no sentido de evitar que as aves sejam retiradas dos ninhos, receberam informações de que um homem, residente em um acampamento de sem-terras, localizado à margem da BR 376, nas proximidades do córrego Baile, no município de Nova Andradina, estaria efetuando a captura de papagaios.

Uma equipe foi ao local e encontrou o infrator (25), que já havia capturado dois papagaios e dois canários-da-terra. As aves foram apreendidas. As informações indicavam que o infrator recebera encomenda para a retirada de grande quantidade de papagaios, o que indica que os trabalhos preventivos da PMA estão surtindo efeito.

O infrator foi conduzido à delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina e responderá por crime ambiental. A pena é de seis meses a um ano de detenção. A PMA também autuou o infrator administrativamente e arbitrou multa de R$ 4.000,00

As aves serão encaminhadas ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), na Capital.

Deixe seu Comentário

Leia Também

NOVA ANDRADINA
Veículos furtados são recuperados pela polícia
FLAGRANTE
Motociclista é preso tentando fugir de barreira com pescado ilegal
RG
Parceria realiza emissão da cédula de identidade a detentos
ARTIGO
Que amor é esse?
RELATO
Atriz da Globo diz que foi chamada de gordofóbica por perder peso
DOURADOS
Inscrições para a Corrida do Trabalhador seguem abertas
RIO DE JANEIRO
Buscas por corpos e sobreviventes na Muzema entram no oitavo dia
TECNOLOGIA
Satélite denuncia e homem é multado por desmatar área protegida
FRONTEIRA
Homem de 36 anos morre afogado em piscina
MS-338
Motorista freia ao ver anta e tem caminhão atingido por ônibus

Mais Lidas

DOURADOS
Corpo desovado no IV Plano é de homem que matou e jogou mulher dentro de poço há 6 anos
DOURADOS
Polícia prende dois e acaba com "tribunal” que poderia resultar em morte no Canaã I
VIOLÊNCIA
Corpo é encontrado ‘ensacado’ em Dourados
DOURADOS
Homem foi espancado e enrolado em lençóis antes do corpo ser desovado no IV Plano