Menu
Busca terça, 22 de maio de 2018
(67) 9860-3221
CÂMARA MUNICIPAL DE DOURADOS
CORUMBÁ

Homem é preso acusado de estuprar a cunhada de apenas 11 anos

15 fevereiro 2018 - 07h43Por Da Redação

Um homem de 30 anos foi preso, nesta quarta-feira, dia 14 de fevereiro, acusado de estuprar a cunhada de 11 anos em Corumbá, cidade localizada na fronteira com a Bolívia.

Segundo o site Campo Grande News, este é o terceiro caso registrado pela Daiji (Delegacia de Atendimento à Infância, Juventude e Idoso) daquela cidade nos últimos dez dias.

Os abusos, conforme boletim de ocorrência, ocorreram nos últimos três anos. Testemunhas e exames médicos atestaram o estupro da menina, resultando na prisão de seu agressor.

Delegado titular da Daiji, Rodrigo Blonkowski ressaltou que esta é terceira prisão de estupro de vulnerável em menos de dez dias. "A equipe está atenta ao crescente número de abusos contra crianças e adolescentes na cidade", observou.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

IMUNIZAÇÃO
MS tem quase 50% do público-alvo vacinado contra a gripe
ASSEMBLEIA
Uso de nome afetivo em cadastros às crianças adotadas é aprovado
CAMPO GRANDE
Procon encontra mais de 150 produtos adulterados e gerente de supermercado é presa
FUTEBOL
Vasco se despede da Libertadores em busca de vitória e vaga na Sul-americana
CULTURA
Turma de Artes Cênicas apresenta adaptação de clássico de Shakespeare
NARCOTRÁFICO
Jarvis Pavão é condenado a 10 anos de prisão
REPOSIÇÃO SALARIAL
Servidores da prefeitura têm correção salarial, após cinco anos
MALHA ASFÁLTICA
Prefeitura mantém frentes de tapa-buraco em Dourados
SOLIDARIEDADE
Na semana de doação de leite, conheça como a amamentação ajuda a sensibilizar mulheres
NOVA ALTERNATIVA
Anvisa aprova novo genérico para tratamento da hepatite C

Mais Lidas

FLAGRANTE
Policial aposentado é preso com cocaína em Dourados
CAPITAL
Criança morre em acidente com moto pilotada pelo avô
JARDIM PANTANAL
Homem é baleado após ser cercado por grupo
DOURADOS
Postos da Seleta, Santo André e Vila Rosa terão atendimento reduzido