Menu
Busca sexta, 20 de abril de 2018
(67) 9860-3221
BANNER CORPAL TOPO SITE
ALDEIA BORORÓ

Homem é esfaqueado após bater na mãe e irmãs

11 outubro 2017 - 08h45Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte

Vanilton Alves Medina, 25, foi ferido com golpes de faca após agredir a mãe e duas irmãs na Aldeia Bororó, Reserva Indígena de Dourados, no final da tarde de terça-feira (10). 

De acordo com as informações da ocorrência, ele estava completamente embriagado na casa onde reside e começou a discutir. 

Em seguida, agrediu a mãe e uma das irmãs, quando a outra mulher, identificada como Cilene, tentou conversar com ele e acabou apanhando.

Para se defender, conforme depoimento dela à polícia, pegou uma faca e atingiu o irmão na barriga. Ele foi encaminhado por equipe da saúde indígena e entregue ao Corpo de Bombeiros na MS-156, para ser internado no Hospital da Vida em estado grave.

Levada ao 1º Distrito Policial, Cilene prestou depoimento e foi liberada.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PRONUNCIAMENTO
Temer defende governo e critica "torcida organizada pelo fracasso"
ÁGUA CLARA
PRF recupera em MS veículo de luxo furtado no interior de São Paulo
LOTERIA
Aposta única fatura sozinha prêmio de R$ 9,3 milhões da Mega-Sena
UEMS
“Mobilização sem precedentes” marca desenvolvimento da Rila em MS
CORUMBÁ
Motociclista irlandês tem perna amputada após acidente na BR-262
GÊNERO
Mais de 1,4 mil travestis e transexuais pediram nome social no título
PRF
Eletrônicos avaliados em R$ 60 mil são apreendidos na rodovia BR-060
MEIO AMBIENTE
Três homens são autuados em R$ 5 mil por pesca predatória
FUTEBOL
Polícia veta e estreia do Novo na Série D será com portões fechados
DESCAMINHO
Guarda Municipal apreende 960 munições 9 mm no interior de ônibus

Mais Lidas

DOURADOS
Estudante de medicina é preso com R$36 mil em notas falsas
SOLIDARIEDADE
Dourados inaugura a primeira geladeira solidária nesta sexta-feira
BR-463
Polícia confirma morte de idoso em ataque de pistoleiros
DIREITOS HUMANOS
Esposas de presos denunciam agressões e Comissão vai até a PED