Menu
Busca quinta, 20 de junho de 2019
(67) 9860-3221
DOURADOS

Homem é baleado na Cachoeirinha e acusa vingança de rival

10 janeiro 2019 - 07h32Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte

Homem foi baleado na noite de quarta-feira (9/1) na Vila Cachoeirinha, em Dourados. O caso ocorreu na rua Deolinda Rosa da Conceição, por volta de 21h30. Alexandro da Silva Carvalho, 31, acabou ferido com um tiro no pé.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima disse que estava em casa com o portão aberto, quando homem identificado como Adir parou num VW Saveiro e realizou três disparos. 

Um deles atingiu o rapaz. 

À polícia, Alexandro afirmou que em fevereiro de 2018 estava preso por atirar contra Adir e que na noite de ontem, ele teria tentado se vingar.

O suposto autor dos disparos ainda não foi localizado. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
‘Café com Sicredi’ leva o cooperativismo para a Unigran Decor
JUSTIÇA
Justiça Federal condena ex-proprietário da Capital Mercantil por estelionato e crime contra o sistema financeiro
João Batista Medeiros foi condenado a 5 anos e 6 meses de prisão e poderá responder em liberdade
FUTEBOL
Jogos de hoje definem próximo adversário do Brasil na Copa feminina
SORTUDO!
Apostador de SP ganha prêmio único de R$ 124 mi na Mega-Sena
SHOWBIZZ
De topless, Dani Calabresa curte passeio em praia: "sereiando"
JUSTIÇA
Acusada de matar cunhado por motivo torpe é condenada a 16 anos
ECONOMIA
Interessados em receber precatórios têm até dia 28 para fazer acordo
UNIGRAN
Show à parte, banheiro do quarto infantil impressiona pela riqueza de detalhes
MUDANÇA
Presidente dos Correios decide sair após Bolsonaro dizer que iria demiti-lo
CAMPO GRANDE
Casal briga dentro de carro e confusão termina em acidente

Mais Lidas

RESERVA INDÍGENA
Casal é preso pelo assassinato de tio e sobrinho em Dourados
OPORTUNIDADE
Exército abre inscrições para temporários em MS, MT e GO
DOURADOS
Polícia fecha 'boca' e prende três por tráfico no Jardim Pantanal
DOURADOS
Adolescente é atropelado, sofre traumatismo e corre risco de morte