Menu
Busca sexta, 06 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
CAPITAL

Homem baleado nas costas se nega a entregar atirador, diz polícia

08 novembro 2019 - 20h35Por G1

Um homem de 32 anos levou um tiro nas costas na madrugada desta sexta-feira, dia 08 de novembro, em Campo Grande e à polícia, se negou a entregar o responsável pelo disparo. Conforme a ocorrência, a vítima alegou apenas ter "muita treta".

Segundo informações do boletim de ocorrência, os militares chegaram até o ferido após uma denuncia. No local, a vítima já recebia os primeiros atendimentos por uma equipe do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência).

Conforme a polícia, o estado de saúde do baleado era considerado estável e não foi constatado se o local onde a vítima foi encontrada, em uma rua, é o mesmo onde ocorreu o crime.

Ele foi levado para um hospital e até a publicação desta reportagem não obteve informações do atual quadro de saúde dele e nenhum suspeito localizado. O caso foi registrado como tentativa de homicídio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAN BADO
Paraguaio morre em hospital após levar 4 tiros em frente a residência
ALIANÇA PELO BRASIL
Novo partido do presidente Jair Bolsonaro é registrado em cartório
LIMITE DE GASTOS
Brasileiro poderá trazer US$ 1 mil em compras de países do Mercosul
RURAL
Nova Andradina é alvo de pesquisa da Embrapa sobre controle de javalis
ACIDENTES
Dez pessoas morrem por mês nas rodovias federais de MS
PUNIDO
Eduardo Bolsonaro é destituído da presidência do PSL em São Paulo
FRONTEIRA
Corpo encontrado carbonizado é de adolescente desaparecido
EDUCAÇÃO
MEC lança material para incentivar pais a lerem para os filhos
JUSTIÇA
Vício na construção do imóvel configura responsabilidade da construtora
BENEFÍCIO
Diretoria de Educação a Distância da UEMS seleciona bolsistas

Mais Lidas

PIONEIRO
Conhecido por entregar leite na região do Água Boa, Bruno de Brum morre em Dourados
FRONTEIRA
Mais dois assaltantes mortos após assalto a carro-forte são identificados
FRONTEIRA
Suspeitos de esquartejar adolescente são presos no Paraguai
FRONTEIRA
Populares encontram corpo dentro de tambor