Menu
Busca quinta, 05 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
CORUMBÁ

Guarda é morto a tiros e suspeito acaba preso

21 setembro 2017 - 11h02

O guarda municipal Carlos Henrique Freitas Silva, de 38 anos, foi morto a tiros por volta das 05 horas da manhã desta quinta-feira, dia 21 de setembro, em um bar, localizado na esquina das ruas Sete de Setembro e Duque de Caxias, no bairro Popular Velha, parte alta de Corumbá, na fronteira com a Bolívia.

Suspeito de cometer o homicídio, André Luis Lima Sigarini, de 37 anos, foi preso momentos depois pela Polícia Militar, com apoio da Guarda Municipal, na casa dele, no bairro Cristo Redentor.

Segundo a PM, ele admitiu que atirou contra o guarda e disse que havia jogado o revólver em uma avenida. Conforme informações do site Diário Corumbaense, os policiais foram até o local indicado pelo homem, mas não encontrou nada. Depois, ele acabou relatando que a arma estava em sua residência.

Na casa, os militares encontraram o revólver calibre 38, em cima de um guarda-roupa. Três munições estavam intactas. André está preso na delegacia de Polícia Civil, que vai apurar agora o que motivou o assassinato. O carro dele, um Fiat Uno branco, também foi apreendido.


Deixe seu Comentário

Leia Também

RURAL
Nova Andradina é alvo de pesquisa da Embrapa sobre controle de javalis
ACIDENTES
Dez pessoas morrem por mês nas rodovias federais de MS
PUNIDO
Eduardo Bolsonaro é destituído da presidência do PSL em São Paulo
FRONTEIRA
Corpo encontrado carbonizado é de adolescente desaparecido
EDUCAÇÃO
MEC lança material para incentivar pais a lerem para os filhos
JUSTIÇA
Vício na construção do imóvel configura responsabilidade da construtora
BENEFÍCIO
Diretoria de Educação a Distância da UEMS seleciona bolsistas
BRASIL
Clientes do BB podem pagar contas por assistente de voz do Google
TRÊS LAGOAS
Secretaria de Saúde investiga morte de professora por suspeita de dengue
CAMPO GRANDE
Trio faz limpa em residência após renderem idoso que guardava veículo

Mais Lidas

POLÍCIA
Morto em ação policial no MS era afamado como líder do novo cangaço
FRONTEIRA
Quatro assaltantes de carro-forte são mortos em confronto com a polícia
DOURADOS
Júri condena a 64 anos de prisão cinco réus por atentado contra empresário
DOURADOS
Homem é preso ‘arrastando’ moto na região central