Menu
Busca sábado, 20 de julho de 2019
(67) 9860-3221

Gangue desacata e agride policial e dois terminam presos

14 dezembro 2003 - 11h24

O casal Nilza Silvéria Pessoa, de 32 anos, e o policial militar Antonio Carlos Lobo, de 40 anos, foram xingados por uma gangue enquanto passavam de carro pelo cruzamento da Rua Três Lagoas com Rua Beirute, no bairro Santo Amaro, em Campo Grande, por volta das 21h40 de ontem.De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Civil, o policial saiu do carro para tomar satisfação e vários jovens começaram a agredi-lo. Sua esposa tentou ajuda-lo, mas também foi alvo da violência da gangue. Nilza sofreu ferimentos na cabeça, braços e pernas e seu marido no braço. Os jovens foram detidos e no caminho para o 1° DP (Departamento de Polícia) o assoalho do camburão ficou danificado. Claudia Lima, de 20 anos, confessou ter sido a autora de tal delito contra patrimônio público. O outro detido foi Leonardo Américo da Costa Aragão, de 19 anos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LOTERIA
Mega-Sena sorteia R$ 22 milhões neste sábado
CLIMA
Sábado começa com mínima de 13ºC e tarde pode ser de calor em Dourados
ROTA BIOCEÂNICA
Licitação para ponte ligando MS ao Paraguai será lançada hoje
DOURADOS
Conselho pede providência após furto de computador dentro de secretaria
FUTEBOL
Clássicos carioca e gaúcho abrem a 11ª rodada do Brasileirão neste sábado
NORONHA
Isis Valverde relembra foto de biquíni em cenário paradisíaco
FATALIDADE
Vítimas de grave acidente em Bataguassu serão veladas neste sábado
JUSTIÇA
Direitos da criança e do índio são preservados em adoções por indígenas
CAPITAL
Polícia pede prisão de comerciante suspeito de matar o próprio tio
LEGISLAÇÃO
Detran esclarece Lei que permite transferência de multas e pontos na CNH

Mais Lidas

DOURADOS
Homem é baleado com quatro tiros no Estrela Verá
DOURADOS
AGORA: Homem é baleado no Estrela Verá
INVESTIGAÇÕES
Preso no RJ, suspeito de planejar morte de “chefão da fronteira” é acusado de lavagem de dinheiro em MS
FRONTEIRA
Pistoleiro preso acusado de matar fazendeiro é membro do Comando Vermelho