Menu
Busca quarta, 14 de novembro de 2018
(67) 9860-3221
NRI

Foragido da Justiça e acusado por roubo a comércio é preso em Dourados

10 novembro 2017 - 10h48Por Da Redação

Telmo Gilmar Ribas Machado, 22, o ‘Telminho’, morador em Rio Brilhante, foi preso na quinta-feira (9) em Dourados. Ele é suspeito de ter assaltado comércio em Sidrolândia no último dia 6 e é considerado foragido da Justiça e ter se escondido na casa de um primo.

A prisão foi realizada por policiais civis do NRI (Núcleo Regional de Inteligência) próximo a um supermercado localizado na rua Monte Alegre, Jardim Ouro Verde. Com ele havia R$ 1,2 mil em dinheiro.

No 1º Distrito Policial, Telminho confessou ter praticado o roubo ao comércio. Na ocasião, ele afirmou ter levado R$ 4 mil em dinheiro e três aparelhos de telefone celular.

Autuado em flagrante, permanece detido numa  das celas do 1º Distrito Policial.

Outro roubo

O rapaz era procurado por outro roubo registrado em setembro, na cidade de Rio Brilhante. Na ocasião, ele levou da vítima uma Toyota Hilux e uma motocicleta. Conforme a polícia, na ação ele agiu com estrema violência contra as vítimas, amarrando-as e desferindo vários chutes e socos.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UNIGRAN
Empresa Junior de Agronomia comercializa verduras agroecológicas na AgroFeira
IBGE
Salário médio do sul-mato-grossense avançou 14% em três anos
IDOSOS
Universidades americanas incluem idosos saudáveis no currículo
PROCLAMAÇÃO DA REPÚBLICA
Mais de 230 mil veículos devem trafegar pela BR-163 durante o feriado
LEVANTAMENTO
Demanda do consumidor por crédito avançou 5,8% em outubro
REGIÃO NORDESTE
Conheça a Praia dos Carneiros e a coloque no roteiro da próxima viagem
BRASIL
Onyx nega ter se beneficiado de repasse da JBS feito em 2012
15 DE NOVEMBRO
Feriado da Proclamação da República: veja o que abre e o que fecha em Dourados
CLIMA
Tempo nublado não ameniza o calor e mínima em Dourados é de 22ºC
INSPIRE-SE!
Modelos de roupas confortáveis para todas as crianças

Mais Lidas

PEDRO JUAN
Advogada de narcotraficantes brasileiros morre após atentado na fronteira
PARAGUAI
Polícia paraguaia acredita que pistoleiros brasileiros mataram advogada
PEDRO JUAN CABALLERO
Vídeo mostra momento em que advogada é atingida por pistoleiros
FRONTEIRA
Advogada de Pavão e Marcelo Piloto é alvo de atentado com 14 tiros