Menu
Busca sexta, 22 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
CRIME AMBIENTAL

Fazendeiro é multado em R$ 2,7 mil por depósito ilegal de madeira

06 dezembro 2018 - 18h50Por Da Redação

Durante fiscalização no município de Paranaíba, Policiais Militares Ambientais de Cassilândia autuaram nesta quarta-feira, dia 05 de dezembro, um fazendeiro por ter em depósito madeira ilegal. A madeira serrada e desvitalizada das espécies faveiro e angico, em forma de tábuas e caibros, que totalizou 8,76 m³, foi apreendida.

O fazendeiro informou que possuía uma serraria móvel e adquiria a madeira em propriedades rurais para desdobrá-las, ficando com parte para ser utilizada em sua propriedade. Ele não possuía o Documento de Origem Florestal (DOF), que é o documento ambiental para o transporte e armazenamento de qualquer produto vegetal nativo.

O infrator de 53 anos, residente em Paranaíba, foi autuado administrativamente e multado em R$ 2.700,00 e responderá por crime ambiental de depósito ilegal de madeira. A pena é de seis meses a um ano de detenção.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Bruna Griphao deixa tanquinho à mostra durante passeio na cachoeira
RORAIMA
Venezuela fecha fronteira com o Brasil no horário determinado por Maduro
BR-060
Perseguição acaba com 3 presos e caminhonete com maconha apreendida
REPASSES
Ministro do STF dá mais um ano para Congresso regulamentar a Lei Kandir
CAPITAL
PM encontra saco com 78 quilos de maconha em terreno baldio
MEIO AMBIENTE
Duas jibóias e uma jararaca foram capturadas nesta quinta na Capital
UFGD
Trote do Bem aumenta o número de doadores de medula óssea
APOSENTADO
Sargento da PM pega 4 anos de prisão por matar mulher a tiros
DOURADOS
Guarda Mirim abre turma e recebe título de Utilidade Pública Estadual
MEC
Instituições federais de ensino de MS recebem R$ 2,61 milhões

Mais Lidas

OPORTUNIDADE
Prorrogadas inscrições em processo seletivo para contratação de Assistentes de Atividades Educacionais
MAIS UM
Délia exonera secretário de Saúde e adjunta assume o posto
TURISMO
Deputado "mata" trabalho para passar nove dias em peregrinação
AMAMBAI
Homem mata a ex-mulher a facadas na frente dos sete filhos