10/06/2013 11h46 -

Ex-Policial Militar é assassinado com três tiros em Campo Grande

 

G 1

A Polícia Civil em Campo Grande registrou dois homicídios ocorridos entre a noite de ontem, e a madrugada desta segunda-feira, dia 10 de junho. Em um dos casos, segundo registro da ocorrência, um ex-policial militar, de 26 anos, foi morto a tiros, em casa, no bairro Estrela Dalva II. O suspeito ainda não foi identificado.

Testemunhas disseram à polícia que ouviram os disparos, mas não viram o suspeito. A casa onde o crime ocorreu foi arrombada e a vítima foi atingida na cabeça, no tórax e no quadril. De acordo com a polícia o o homem morreu antes da chegada do socorro.

Ainda segundo informações da polícia, duas horas antes do crime o homem teria brigado com a proprietária da casa onde era inquilino. A mulher, que estava grávida ameaçou o ex-policial de morte e acionou a PM. Os agentes foram ao local, mas nenhum boletim de ocorrência foi registrado. Segundo assessoria da PM, o homem foi expulso dia 30 de agosto de 2011. Ele ainda respondia a processo que tramitava na Auditoria Militar e tinha audiência marcada para dia 18 de junho.

O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) da área central.

Morte

Outro homicídio foi registrado na noite de domingo (9). Um jovem de 18 anos foi atingido por três tiros e morreu antes da chegada do socorro. O crime aconteceu às 21h40 em uma casa no bairro Vila Palmira. Os suspeitos ainda também não foram identificados.

De acordo com a Polícia Civil, o rapaz estava sentado em uma cadeira e foi atingido na cabeça e no pescoço. Uma testemunha disse a polícia que no sábado (8), o jovem estava acompanhado de amigos e se envolveu em uma briga em um clube da cidade. A Polícia Civil está investigando a causa do crime.