Menu
Busca sexta, 16 de novembro de 2018
(67) 9860-3221

Dupla que roubava jóias também agiam em MS

13 maio 2011 - 11h08

Os cantores sertanejos Rodrigo e Dudu di Valença, ou na verdade Altair Leles Parreiro e Altemir Cândido Parreiro, que foram presos em flagrante na última terça-feira, em Ibitinga estado de São Paulo acusados de furtos em joalherias também teriam agido em Mato Grosso do Sul.

A informação é do chefe de investigação da Polícia Civil de Ibitinga, Marco Roberto Vasconcelos. A dupla teria sido reconhecida por mais de 50 pessoas em diversos Estados, incluindo o MS, sob acusação de furto. "À medida que a notícia ganhava a mídia nacional, 'choviam' denúncias" afirmou o investigador. Agora a polícia busca o paradeiro dos receptadores de jóias.

O advogado dos sertanejos, David Zanelato, ingressou ontem com pedido de habeas-corpus no Fórum de Araraquara (SP), amparado na afirmativa de que a dupla tem bons antecedentes, informação refutada pela Polícia Civil de Ibitinga, segundo a qual Altemir, o Dudu teria sido condenado a 5 anos de prisão, em 1999, por estelionato.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSOS
Gracyanne Barbosa sensualiza com enxada e provoca: "cavando a cova das inimigas"
PREMIADO
Promoção da Sicredi Centro-Sul MS entrega carro 0km para associado de Itaquiraí
BRASIL
Prazo para renovação de contratos do Fies é prorrogado
SEGURANÇA
Agência destaca importância do uso de cinto de segurança em ônibus
DOURADOS
Vacinação antirrábica segue até sábado na região do Ouro Verde
BRASIL
Novo prazo para aderir ao Refis Rural vai até 31 de dezembro
BRASIL
Cientistas sintetizam molécula que elimina vírus da hepatite C
AUDIÊNCIA
Grupo irá acompanhar processos criminais envolvendo indígenas de MS
TV
Pedro Bial dá selinho em Pabllo Vittar e dispara: "Estou meio Hebe hoje"
BATAGUASSU
Motorista sem CNH bate carro em poste de radar

Mais Lidas

CAMPO GRANDE
Empresário é executado e filho fica ferido em atentado
CAMPO GRANDE
Empresário executado na Capital era avalista em dívida de R$ 40 milhões
SUSTO
Veículo com placas de Dourados fica destruído ao ser atingido por vagões de trem
DOURADOS
Dupla armada rouba moto para assaltar empresa e levar R$ 3 mil