Menu
Busca quarta, 30 de setembro de 2020
(67) 99659-5905
DOURADOS

Dupla é presa no Trevo da Bandeira com maconha em carro roubado

11 dezembro 2019 - 07h42Por Adriano Moretto e Osvaldo Duarte

Dois homens foram presos na tarde de terça-feira (10/12), em Dourados, por tráfico de drogas. Hedgar O.S., 20, morador em Parauapebas (PA) e Wesley R.P.S., 26, residente em Pindaré-Mirim, transportavam 97 quilos de maconha dentro de veículo roubado no Maranhão. 

Conforme a ocorrência, policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) abordaram um Fiat Pálio Weekend por volta das 16h próximo ao Trevo da Bandeira, na BR-163.

Durante fiscalização, foi constatado queixa de roubo no dia 27 de outubro, além do entorpecente. 

Questionados, os ocupantes disseram ter recebido o carro em Ponta Porã e entregariam a droga em São Luiz (MA). Pelo transporte, levariam R$ 6 mil. 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Polícia divulga WhatsApp para denúncias sobre carro usado em sequestro
ARTICULAÇÕES
Planalto tira Carla Zambelli e bolsonaristas de vice-liderança na Câmara
ACIDENTE
Piloto de avião que caiu em Camapuã é transferido de UTI aérea para SP
CAARAPÓ
Mulher encontrada morta é identificada e perícia descarta feminicídio
JUDICIÁRIO
TJ/MS prorroga suspensão de prazos de processos físicos até 30 de outubro
FURTOS
Após fugir da Unei, ‘homem-aranha’ douradense é capturado na Jaguapiru
MARACAJU
Homem encontrado morto na beira de estrada pode ter sido vítima de latrocínio
BRASIL
STF autoriza estados a criar e explorar jogos lotéricos
MATO GROSSO DO SUL
Governo deposita salários de servidores nesta quinta-feira
ECONOMIA
Após debate presencial nos EUA, dólar cai e fecha cotado a R$ 5,61

Mais Lidas

REGIÃO
Homem que disse ter encontrado mulher morta volta atrás e confessa feminicídio
LAGUNA CARAPÃ
Homem sente falta de esposa, vai procurar e a encontra morta em poço
DOURADOS
Disputa pela prefeitura tem dois milionários e total de bens chega a R$ 13 milhões
CAPITAN BADO
Ataque de pistoleiros a veículo deixa dois mortos na fronteira