Menu
Busca sábado, 23 de março de 2019
(67) 9860-3221

Duas pessoas morreram carbonizadas em acidente na BR-163

06 junho 2011 - 09h10

Rogéria Bueno Junqueira de Souza e um rapaz, ainda não identificado, morreram carbonizadas por volta das 19 horas de ontem, em um acidente ocorrido na BR-163, entre os municípios de Bandeirantes e São Grabriel do Oeste, na região norte do Estado.

De acordo com a polícia, a mulher e o rapaz estavam no veículo VW/Fox, com placas HSD-6460, que bateu de frente em uma carreta bi-trem, com placas AKL-9171, dirigida por Vanderlei Flauzino Magalhães.

Após a colisão, devido ao vazamento de gasolina, o veículo de passeio pegou fogo rapidamente. Parte do cavalo da carreta também foi incendiado.

O Corpo de Bombeiros de Campo Grande foram acionados para o local, porém o fogo já havia destruído o carro.

As duas vítimas morrem no local do acidente. Os corpos foram encaminhados para o IML (Instituto Médico Legal) de Campo Grande.

O motorista da carreta não sofreu ferimentos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Paolla Oliveira relaxa durante banho de mar: "água é vida"
SAÚDE
Após determinação do STJ, João de Deus é transferido para hospital
FUTEBOL
Uefa abre processo disciplinar contra Neymar por ofensa a ábitro
REFORMA
Devedores contumazes da União poderão ter CNPJ cancelado
UEMS
Curso de Libras Básico I abre inscrições na próxima segunda-feira
DANOS MORAIS
Justiça condena promotor a indenizar ex-presidente Lula em R$ 60 mil
JUSTIÇA
Shopping é condenado por danos morais em acusação falsa de furto
FÁTIMA DO SUL
Mulher é presa acusada de simulou sequestro para a própria família
TECNOLOGIA
Anatel inicia bloqueio de celulares 'piratas' em 15 estados no domingo
CAPITAL
Homem tenta matar a irmã com golpes de facão e acaba preso

Mais Lidas

HU
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
LUTO
Fundadora da ADL, Ruth Hellman morre em Dourados
DOURADOS
Protesto contra a Reforma da Previdência leva centenas ao Centro
DOURADOS
Trio que matou e roubou cabeleireiro é condenado a 62 anos de cadeia