Menu
Busca terça, 16 de outubro de 2018
(67) 9860-3221
JARDIM

Detento do semiaberto morre na frente de agente penitenciário

06 setembro 2017 - 06h47

Um preso do Estabelecimento Penal de Regime Semiaberto de Jardim, cidade localizada na região Sudoeste do Estado, morreu após passar mal, por volta das 16 horas, desta terça-feira, dia 05 de setembro.

Segundo o boletim de ocorrência, um agente penitenciário, que não teve o nome divulgado, relatou à polícia que o interno, Pedro Paulo Flora da Silva passou mal, expeliu sangue pela boca e em seguida convulsionou.

A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros foram chamados, no entanto, quando chegaram na unidade penal Pedro Paulo já estava morto.

O local foi preservado até a chegada da perícia, que colheu informações que poderão ajudar no desvendar o caso.

A ocorrência foi registrada como morte a esclarecer, na Delegacia de Polícia Civil do município.

Com informações do site Campo Grande News.

Deixe seu Comentário

Leia Também

IMAM
XVIII Semana do Meio Ambiente e XXI Eco Dourados começa hoje
SONEGAÇÃO
Boliviana passa mal dentro de ônibus e é presa com 800 mil dólares
TEMPO
Terça-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
UAU
Marina Moschen celebra aniversário com clique de biquíni em Noronha
CRIME AMBIENTAL
Fazendeiro paranaense é autuado por derrubada de árvores nativas
ELEIÇÕES 2018
TSE convoca campanhas dos presidenciáveis para debater notícias falsas
FRONTEIRA
Dona de bar é presa por prostituir adolescente de 14 anos
EDSON FACHIN
Ministro do STF arquiva inquérito sobre Zeca do PT e Blairo Maggi
PIONEIRO
Morre Paul Allen, cofundador da Microsoft, aos 65 anos
AMAMBAI
Prefeitura decreta situação de emergência por conta dos temporais

Mais Lidas

DOURADOS
Família busca notícias de mulher que abandonou carro e embarcou na rodoviária
JARDIM MONTE LÍBANO
Policiais douradenses são presos por assalto a família
FATALIDADE
Voluntário morre ao cair de “trenzinho” durante o Dia das Crianças em Dourados
QUADRILHA PRESA
Preso em assalto a família em Fátima do Sul mentiu o nome à polícia