Menu
Busca segunda, 24 de setembro de 2018
(67) 9860-3221

Corpo de comerciante desaparecido é localizado próximo a Laguna Carapã

08 junho 2011 - 13h10

Na manhã desta quarta-feira, a Polícia Civil de Laguna Carapã, encontrou o corpo do comerciante Riad Battikha, de 66 anos, conhecido como “ Shinalder” proprietário de um posto de combustível e uma mercearia na cidade, no distrito de Lagutina, e que estava desaparecido desde a noite da última segunda-feira.

O corpo de Riad foi localizado, há 8 km de seu estabelecimento comercial e estava próximo de uma plantação de cana, com um golpe de facão na nuca e sem uma parte da orelha.

Conforme informações da Polícia Civil, na noite de segunda –feira (06), a polícia recebeu uma denúncia de que teria entrado um veículo no Paraguai com atitude suspeita. Sendo este Corsa Prata, ano 97, placa HRJ 7301- Laguna Carapã (MS).

Segundo os policiais ainda não há pistas dos acusados, e que a suspeita que o caso tenha sido um latrocínio – roubo seguido de morte.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ELEIÇÕES 2018
Lei da Ficha Limpa retira 174 candidatos das eleições de outubro
"SEBRAE INSPIRA"
Senai Empresa lança serviço de produção de marketing e moda
POLÍTICA
Pesquisa Ibope no Mato Grosso do Sul: Azambuja, 40%; Odilon 29%
JUSTIÇA
Companhia aérea deve indenizar cliente por prática de overbooking
OPERAÇÃO NEPSIS
PF ainda procura 11 integrantes da quadrilha de contrabandistas
LICENCIATURA
Curso de Educação Física inicia comemorações de seus 10 anos
ELEIÇÕES 2018
Ibope: Bolsonaro, 28%; Haddad, 22%; Ciro, 11%; Alckmin, 8%; Marina, 5%
BRASIL
Temer vai procurar sucessor para fazer reforma da Previdência este ano
MELHOR DO MUNDO
Modric bate CR7 e Salah e é eleito melhor do mundo
COTAÇÕES
Dólar avança e fecha a R$ 4,08 após três quedas seguidas

Mais Lidas

DOURADOS
Amiga de jovem encontrada morta é presa acusada por tráfico e por alterar a cena do crime
TEMPORAL
Chuva e ventos fortes derrubam árvores em Dourados
DOURADOS
Adolescente é encontrado baleado na rua e morre no HV
POLÍCIA
Presos em Dourados são transferidos para capital