Menu
Busca terça, 25 de setembro de 2018
(67) 9860-3221
TRÊS LAGOAS

Chefe do PCC é apontado como ‘juiz’ de execução no interior do Estado

05 outubro 2017 - 11h02Por Da Redação

João Luiz Moraes de Souza, o “Dimas”, 34 anos, é apontado pela Polícia Civil como chefe do PCC (Primeiro Comando da Capital) em Mato Grosso do Sul e “juiz” de uma execução em Três Lagoas. Ele está preso no Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande por latrocínio – roubo seguido de morte.

A vítima Deivid Almeida de Oliveira, o “Caveirinha”, 20 anos, foi encontrado morto amarrado com fios de energia. O crime aconteceu em junho deste ano, no Jardim das Violetas, na cidade do interior.

João foi identificado na Operação Sintonia, deflagrada nesta manhã no presídio da Capital e interior do Estado.

Conforme o delegado Cleverson Alves dos Santos, o que chama a atenção é a maneira como o assassinato foi orquestrado. “Aparentemente por dívida de drogas, Segundo o site Campo Grande News, ‘Caveirinha’ foi sequestrado por membros da facção criminosa, que fizeram uma ‘conferência’ por telefone com João Luiz”, detalhou o delegado, ressaltando que na ligação o então “juiz” sentenciou Deivid a morte.

Depois que o corpo de “Caveirinha” foi encontrado a polícia de Três Lagoas passou a investigar o caso e há pelo menos quatro meses mantinha contato com o Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco e Resgate a Assaltos e Sequestros).

Durante mandado de busca na cela que “Dimas” dividia com mais 12 detentos, a polícia apreendeu 11 celulares, vários carregadores e drogas separadas para venda. “São papelotes de maconha e pasta base de cocaína. Eles estavam embalados da mesma maneira que entorpecentes apreendidos em ‘bocas de fumo’, o que pode mostrar que existe a comercialização das drogas dentro da unidade penal”, afirma.

Ainda segundo Cleverson, os celulares serão periciados e “Dimas” perderá qualquer benefício de regressão de pena que poderia receber.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
Paola Antonini: "minha autoestima melhorou depois que perdi a perna"
PESQUISA
Ibope: governo Azambuja é aprovado por 46% e reprovado por 17%
CAPITAL
Homem é preso após invadir residência com carro de luxo furtado
EM ALTA
Barril do petróleo passa de US$ 81 e fecha no maior valor em 4 anos
TRÊS LAGOAS
Homem foge após lançar droga e 14 celulares para dentro de presídio
UEMS
EscolaGov promove curso de Licitação e Contratos em Dourados
EDUCAÇÃO
‘Infâncias, Docência e Educação Infantil’ é tema de Seminário na UFGD
AQUIDAUANA
Homem é preso após invadir casa e abusar de menina de 12 anos
BOATOS
Manuela d'Ávila é ameaçada nas redes sociais após fake news
IMPROBIDADE
Ex-servidor do TJMS é acusado de receber dinheiro para intervir em ação

Mais Lidas

DOURADOS
Adolescente é encontrado baleado na rua e morre no HV
DOURADOS
Justiça mantém flagrante, mas concede liberdade a suspeita de alterar cena do crime
FÁTIMA DO SUL
Acidente envolvendo três veículos mata motociclista na MS-376
VIOLÊNCIA URBANA
Motorista de Uber é assaltada durante corrida em Dourados