Menu
Busca terça, 18 de junho de 2019
(67) 9860-3221
MARACAJU

Candidata a vereadora em 2016 é indiciada por morte de idosa

14 junho 2019 - 18h05Por G 1

Após 2 anos de investigações, a Polícia Civil concluiu o inquérito da morte da idosa identificada na última quarta-feira, dia 12 de junho, como Lídia Ferreira de Lima, que à época do crime tinha 61 anos. O corpo foi encontrado às margens da rodovia MS-162, enrolado em plástico filme e carbonizado no dia 27 de fevereiro de 2017.

Segundo as investigações, Karina Beatriz Ferreira de Lima, 45 anos, que foi candidata a vereadora em Sidrolândia em 2016, e Sherry Silva Maciel, 35 anos, assassinaram Lídia dando-lhe remédio para dormir e em seguida enrolando seu rosto em plástico filme, matando-a por asfixia. Depois, elas levaram o corpo até Maracaju, jogaram às margens de uma rodovia e atearam fogo para dificultar a identificação.

De acordo com a polícia, a vítima estaria passando por problemas psicológicos. Ela estava doente e havia acabado de perder a mãe. Foi quando conheceu Karina em um centro religioso, que aproveitou-se da fragilidade de Lídia e levou-a para sua casa, na cidade de Sidrolândia, sabendo que ela possuía uma aposentadoria e era herdeira de um espólio.

Com o tempo, Karina ganhou a confiança de Lídia e passou a cuidar de seus assuntos particulares, como transações e saques bancários. Ela morou com Karina por mais de dois anos e era mantida em cárcere privado, em um quarto nos fundos da residência.

À época, a família da vítima ingressou com ação de interdição e Karina viu a possibilidade de ser responsabilizada por vários crimes, foi quando iniciou seu plano para matar Lídia. Ela começou a mandar informações falsas para a família, dizendo que Lídia possuía um namorado em Maracaju e estaria indo morar com ele, com a intenção de justificar o sumiço.

Após matarem a idosa asfixiada, as duas colocaram o corpo em um carro e a levaram até Maracaju, jogaram-na em uma área de lavoura e atearam fogo. Segundo a polícia, as duas foram ouvidas e acusam uma à outra. Ambas estavam presas temporariamente e tiveram sua prisão preventiva decretada nesta quinta-feira (13), após a conclusão do inquérito.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LEGISLATIVO
Deputados votam na AL, projetos de representação à Câmara dos Deputados
POLÍCIA
Adolescente volta a ser apreendido por tráfico em Dourados
RODA DE CONVERSA
Encontro reúne pessoas com ideias inovadoras hoje em Dourados
LOTERIA
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 125 milhões amanhã
ECONOMIA
Exportações industriais de MS ultrapassam US$ 1,5 bilhão em cinco meses
COPA AMÉRICA
Brasil encara Venezuela por vaga nas quartas de final
INFLUENZA
Com 22 mortes no ano, Saúde alerta população sobre a gripe
DOURADOS
Perseguição na Coronel Ponciano termina com homem preso e apreensão de mais de 700kg de maconha
POLÍCIA
Ex-presidente da UEFA Michel Platini é detido na França por corrupção
SHOWBIZZ
Piovani quis se separar de Scooby para ficar com ator, diz colunista

Mais Lidas

AQUIDAUANA
Douradense desaparece nas águas do rio Aquidauana durante banho
PARAGUAI
Motim termina com 10 mortos e presos queimados e decapitados
MASSACRE EM SAN PEDRO
Ministro paraguaio promete expulsar membros do PCC após motim com 10 mortos
PONTA PORÃ
Mulher grávida é assassinada com 4 tiros na região de fronteira