Menu
Busca sexta, 05 de junho de 2020
(67) 99659-5905
VILA CACHOEIRINHA

“Boca” é fechada, mulher é presa e diz traficar pelo baixo valor do salário mínimo

24 maio 2019 - 08h58Por Adriano Moretto

Elizia Antônia dos Santos, 41, foi presa na noite de ontem (23/5) acusada por tráfico de drogas. Conforme a polícia, ela comandava uma ‘boca de fumo’ na rua Projetada H, na Vila Cachoeirinha, em Dourados. 

Conforme o boletim de ocorrência, o local era monitorado e policiais perceberam o momento em que dois homens deixavam a casa. Com eles, encontraram drogas. 

Logo em seguida foi realizada a abordagem e na residência de Elizia, apreendidos seis aparelhos de telefone celular, 42 porções de pasta base de cocaína e R$ 90 que estava dentro de uma bíblia. 

Questionada, a mulher confessou traficar há pelo menos oito meses por conta do baixo valor do salário mínimo, R$ 998.

Encaminhada ao 1º Distrito Policial e autuada em flagrante pelo tráfico de drogas. 

 

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Polícia Militar flagra dupla armada na região do Parque das Nações
AVANÇO DA COVID-9
Brasil passa a Itália e se torna 3º país com mais vítimas do coronavírus
PONTA PORÃ
Veículos com maconha que seguiam para MG e SP são apreendidos
LIVE SEMANAL
Bolsonaro diz que manifestantes contrários são "terroristas"
CAPITAL
Motorista bêbada oferece R$ 500 a PMs após atropelar entregador
JUSTIÇA
Incorporadora deve rescindir contrato e devolver 75% pago por terreno
BATAGUASSU
Homem tenta entrar em presídio com droga em creme dental e acaba preso
FACADA
MPF conclui que Adélio agiu sozinho em ataque contra Bolsonaro
SETE QUEDAS
Polícia apreende veículo com quase 400 quilos de maconha na MS-160
CORONAVÍRUS
Em uma semana, laboratório da UFGD realiza 129 exames de covid-19

Mais Lidas

PANDEMIA
Em disparada, casos de Covid-19 tem novo recorde diário e passam de 400 em Dourados
EPICENTRO
Casos de coronavírus "explodem" e Dourados registra recorde de confirmações
PANDEMIA
Comitê aponta surtos de coronavírus em dois pontos de Dourados
DOURADOS
Conselho aponta riscos de contaminação em massa por coronavírus no HV