Menu
Busca sexta, 19 de julho de 2019
(67) 9860-3221

Assentado é preso por venda de carne de animal silvestre

01 junho 2011 - 08h21

Policiais Militares Ambientais de Campo Grande prenderam na tarde de ontem um assentado que matava animais silvestres e vendia a carne. A PMA recebeu a denúncia de que o homem caçava na região e vendia a carne no assentamento Terra Solidária, em Sidrolândia, como se fosse um açougue.

No local, os policiais encontraram em um freezer na residência do denunciado, um quati abatido e parte de uma capivara e ainda foi apreendida uma espingarda calibre 22 e 116 munições do mesmo calibre, uma espingarda de pressão, espoletas, chumbos e cartuchos calibre 28 deflagrados. A espingarda era registrada, porém fora utilizada na caça.

O caçador, Edilson dos Santos Arouca, assentado residente no lote 05 do assentamento Terra Solidária, foi preso e encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Campo Grande, onde ele foi autuado pelo crime ambiental.

Se condenado poderá pegar pena de seis meses a um ano de detenção. Além disso, o caçador recebeu multa administrativa de R$ 1.000,00 pelo abate dos animais silvestres.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Dólar termina a semana em alta, de olho em projeções sobre juros nos EUA
DOIS IRMÃOS DO BURITI
Ex-prefeito terá que devolver dinheiro pago em licitação sem nota fiscal
JUSTIÇA
Desembargadores mantêm regime semiaberto para motorista embriagado
ARTIGO
Como transformar uma casa em lar
BRASIL
Montezano: prioridade é abrir caixa-preta do BNDES
ESTATAL
Após fechar agências em MS, Correios renova frota de furgões
INVESTIGAÇÕES
Preso no RJ, suspeito de planejar morte de “chefão da fronteira” é acusado de lavagem de dinheiro em MS
ESTÉTICA
Conheça um pouco mais sobre o Microagulhamento
POLÍTICA
“A gente precisa mendigar apoio”, diz vereador sobre falta de representatividade em Brasília
PEDESTRIANISMO
‘9ª Corrida Saúde Cassems-Noturna’ abre inscrições na próxima segunda-feira

Mais Lidas

FRONTEIRA
Pistoleiros são presos após executarem homem a tiros
DOURADOS
Delegado encerra Inquérito e aguarda perícia para saber se tiro que matou bioquímico foi acidental
DOURADOS
AGORA: Homem é baleado no Estrela Verá
FRONTEIRA
Suspeito de ter matado homem encontrado boiando em rio é preso