Menu
Busca sexta, 03 de julho de 2020
(67) 99659-5905

Assentado é preso por venda de carne de animal silvestre

01 junho 2011 - 08h21

Policiais Militares Ambientais de Campo Grande prenderam na tarde de ontem um assentado que matava animais silvestres e vendia a carne. A PMA recebeu a denúncia de que o homem caçava na região e vendia a carne no assentamento Terra Solidária, em Sidrolândia, como se fosse um açougue.

No local, os policiais encontraram em um freezer na residência do denunciado, um quati abatido e parte de uma capivara e ainda foi apreendida uma espingarda calibre 22 e 116 munições do mesmo calibre, uma espingarda de pressão, espoletas, chumbos e cartuchos calibre 28 deflagrados. A espingarda era registrada, porém fora utilizada na caça.

O caçador, Edilson dos Santos Arouca, assentado residente no lote 05 do assentamento Terra Solidária, foi preso e encaminhado para a delegacia de Polícia Civil de Campo Grande, onde ele foi autuado pelo crime ambiental.

Se condenado poderá pegar pena de seis meses a um ano de detenção. Além disso, o caçador recebeu multa administrativa de R$ 1.000,00 pelo abate dos animais silvestres.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
MPE faz recomendações à Prefeitura e Câmara sobre programas sociais em ano de eleição
CAMPO GRANDE
Negado recurso para condenar pai e dois filhos por furto em fazenda
FUTEBOL DE MS
Sem jogos para apitar, árbitros recebem doações para ajudar no sustento
CAMPO GRANDE
Jovem foi assassinada no mesmo dia de ataque
DOURADOS
Com ajuda de Raio X, servidores da PED encontram maconha em colchão
BONITO
Com consumidores no local após às 23h, dona de estabelecimento é levada à delegacia
BRASIL
Dicas para não ser enganado ao fazer a revisão do seu carro
DOURADOS
Metade dos produtos listados em pesquisa apresentam variação acima de 100%
EDUCAÇÃO
MEC anuncia repasse de R$ 200 milhões para universidades e institutos
DOURADOS
DOF apreende 5,5 mil pacotes de cigarros paraguaios em residência

Mais Lidas

DOURADOS
Decretos sobre aglomerações, igrejas e comércio terão mais 10 dias de vigência
PANDEMIA
Dourados tem quatro mortes por Covid em 24 horas, uma das vítimas médico
DOURADOS
Comerciante encontra homem morto ao chegar para abrir estabelecimento
20 VEÍCULOS
"Bonde do contrabando" é apreendido abarrotado de produtos do Paraguai