Menu
Busca sexta, 22 de março de 2019
(67) 9860-3221
TRÊS LAGOAS

Após ser agredida, mulher pega espingarda e mata ex-marido com tiro

09 setembro 2017 - 10h35

Adivaldo Marcelino da Silva, 42 anos, foi morto com tiro depois de invadir a casa da ex-esposa localizada em uma chácara, na cidade de três Lagoas e agredi-la, por volta das 22 horas desta sexta-feira, dia 08 de setembro.

Segundo informações do site JP News, Cleusa Lizardo do Nascimento, 49 anos, confessou para a filha, que mora em uma casa na mesma propriedade, que matou o ex-marido. Os dois já estavam separados há cinco anos.

Segundo testemunhas, Adivaldo invadiu a casa e agrediu a ex-mulher e o atual marido dela, de 53 anos. Cleusa foi até o quarto, pegou uma espingarda e atirou no homem, que estava na varanda da casa.

A mulher disse para a filha que iria se apresentar na delegacia de polícia ainda no fim de semana e fugiu com o marido.

À polícia, a filha de Cleusa relatou que a mãe e o atual marido eram agredidos frequentemente por Adivaldo e que a vítima já registrou vários boletins de ocorrência contra o agressor.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Mulher morre dois dias após ser atropelada em avenida
DOURADOS
Homem derruba mulher para roubar moto na Vila Rosa
BRASIL
Aprovada lei que fixa prazo para notificar violência contra mulher
POLÍTICA
Criação da Frente Parlamentar de Recursos Hídricos é proposta em MS
TELEVISÃO
'BBB19' Alan é o novo Líder e Rodrigo vai incluir brother no paredão
DOURADOS
Dupla armada rende dono de lanchonete e funcionário e leva moto do local
HU
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
CARNAVAL
Post de Bolsonaro com conteúdo pornográfico "some" de rede social
EDUCAÇÃO
Compromissada com a excelência do ensino, Unigran realiza ADI 2019
TRÁFICO
Jovem é preso em ônibus com maconha que levada para Goiás

Mais Lidas

DOURADOS
Tripla colisão deixa dois feridos em cruzamento movimentado
DOURADOS
Universitária morre no HV quatro dias após acidente de moto
RIO BRILHANTE
Dono de oficina baleado pela manhã morre no Hospital da Vida
OPERAÇÃO PREGÃO
Investigações apontam assinatura de morta em contrato de empresa de refrigeração com prefeitura