Menu
Busca sábado, 23 de março de 2019
(67) 9860-3221

Acusado de matar taxista é preso em Rio Brilhante

31 maio 2011 - 14h39

Está marcado para a tarde desta terça-feira, com Delegada Andréia Alves Pereira, uma coletiva de imprensa, onde será feito a apresentação de Adenilso Canteiro da Silva, de 22 anos, mais conhecido como “Brinquinho”. Ele é acusado de matar o taxista Silas Soares Leite, 60 anos, ocorrido no dia 03 de dezembro do ano passado.

Policiais do Serviço de Investigações Gerais (Sig) e Delegacia de Fronteira (Defron) prenderam Adenilso que é morador em Rio Brilhante. Ele que já está preso por outro crime, diz em depoimento que matou porque a vítima reagiu ao roubo do taxi.

O Crime

No dia 03 de dezembro no inicio da noite, a Polícia Rodoviária Federal (PRF), na BR-463, perto do posto Capei, localizaram um carro Vectra, modelo e ano 2010, placas HTT 4404 de Dourados. O carro estava abandonado com o pneu furado e os policiais resolveram recolher para o posto policial.

Após o ocorrido, policiais do Departamento de Operações da Fronteira (DOF), informaram que o carro havia furado a barreira na MS-280, que liga Laguna Carapã a BR-463. Testemunhas afirmaram que a última vez que viram o taxista, que fazia ponto no Terminal Rodoviário, foi por volta das 14h30 do dia do assassinato, quando um estranho se aproximou e solicitou uma corrida.

No dia seguinte ao crime o corpo do homem foi descoberto por funcionários de uma usina, que telefonaram para a polícia, que foi até o local e identificara o taxista desaparecido. O corpo estava caído no meio do mato nas imediações do Praia Clube, entre o trevo do Hospital Universitário (HU) e Laguna Carapã. No rosto do motorista existiam hematomas o que levava a crer que houve luta corporal e agressão com uma barra de ferro ou de pau.

 

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Paolla Oliveira relaxa durante banho de mar: "água é vida"
SAÚDE
Após determinação do STJ, João de Deus é transferido para hospital
FUTEBOL
Uefa abre processo disciplinar contra Neymar por ofensa a ábitro
REFORMA
Devedores contumazes da União poderão ter CNPJ cancelado
UEMS
Curso de Libras Básico I abre inscrições na próxima segunda-feira
DANOS MORAIS
Justiça condena promotor a indenizar ex-presidente Lula em R$ 60 mil
JUSTIÇA
Shopping é condenado por danos morais em acusação falsa de furto
FÁTIMA DO SUL
Mulher é presa acusada de simulou sequestro para a própria família
TECNOLOGIA
Anatel inicia bloqueio de celulares 'piratas' em 15 estados no domingo
CAPITAL
Homem tenta matar a irmã com golpes de facão e acaba preso

Mais Lidas

HU
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
LUTO
Fundadora da ADL, Ruth Hellman morre em Dourados
DOURADOS
Protesto contra a Reforma da Previdência leva centenas ao Centro
DOURADOS
Trio que matou e roubou cabeleireiro é condenado a 62 anos de cadeia