Menu
Busca quarta, 19 de junho de 2019
(67) 9860-3221

Zeca reafirma que não voltará a disputar cargo político

23 dezembro 2003 - 12h56

O governador Zeca do PT voltou a afirmar hoje que não pretende disputar cargos políticos depois de terminar seu mandato, em 2006. Segundo o governador, a decisão já foi anunciada à sua família e políticos mais próximos dele.Segundo o governador, não interessaria a ele disputar o Senado, por exemplo, porque a rotina de ter que se deslocar freqüentemente a Brasília não o agrada e seria muito cansativa. Zeca lembrou que já teve quatro cargos eletivos (dois de deputado estadual e dois de governador), e isso já é o suficiente para ele.O governador informou que mesmo não pretendendo disputar mais nenhum cargo político, vai continuar trabalhando nos bastidores em projetos do gênero. Para isso, segundo ele, criará um instituto pelo qual coordenará basicamente projetos que visem a integração de Mato Grosso do Sul com países vizinhos. Estão na lista de projetos que receberão a atenção do governador, depois do fim de seu mandato, o da rota bioceânica e o da consolidação do Mercosul, por exemplo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RESERVA INDÍGENA
Casal é preso pelo assassinato de tio e sobrinho em Dourados
CAMPO GRANDE
Homem morre ao colidir moto na traseira de carro em rodovia
DOURADOS
Bancos, comércio, shopping; veja o abre e fecha do feriado de Corpus Christi
EDUCAÇÃO
Secretário de Educação Básica do MEC visita Escolas da Autoria em MS
FUTEBOL
Copa Feminina: Argentina e Escócia disputam vaga nas oitavas de final
NOTA FRIA
PF de MS faz operação contra contrabando em PR e São Paulo
DOURADOS
Reinaldo atende Marçal e anuncia R$ 25 milhões para recuperar ruas
UFMS
Universidade encerra inscrições para professores com salários de até R$ 19 mil
JUDICIÁRIO
Acusada de matar cunhado por motivo torpe vai a júri nesta quarta
TELEVISÃO
Ex-cantor mirim do SBT é morto a facadas pelo melhor amigo

Mais Lidas

FATALIDADE
Corpo de douradense é encontrado no rio Aquidauana
DOURADOS
Perseguição na Coronel Ponciano termina com homem preso e apreensão de mais de 700kg de maconha
PARAGUAI
Homem escapa de sequestro, mas acaba executado por pistoleiros em posto
RESERVA INDÍGENA
Dois são presos suspeitos pelas mortes de tio e sobrinho em Dourados