Menu
Busca domingo, 19 de maio de 2019
(67) 9860-3221

Zeca inaugura asfalto do acesso a Coronel Sapucaia dia 15

10 dezembro 2003 - 11h43

Mais uma obra iniciada e paralisada em governos anteriores foi concluída pelo Governo Popular. Na segunda-feira, dia 15, o governador Zeca do PT inaugura a pavimentação da MS-289, que liga a cidade de Coronel Sapucaia, na fronteira com o Paraguai, a Amambai. São 45 quilômetros em que o governo do Estado investiu mais de R$ 7 milhões de recursos oriundos do Fundersul (Fundo de Dezenvolvimento do Sistema Rodoviário de Mato Grosso do Sul). A pavimentação da MS-289 foi iniciada em 1993 e paralisada no ano seguinte. Apesar de sua importância para a população de Coronel Sapucaia

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOF
Comboio com mercadorias do Paraguai é interceptado em Maracaju
PALMEIRAS
Goleada amplia recorde do Palmeiras no Brasileirão; elenco credita sucesso a Felipão
DIREITOS HUMANOS
Menores vítimas de violência sexual costumam mostrar sinais
Pais e professores devem estar atentos a mudanças de comportamento
RODOVIÁRIA
Mulher é presa em Dourados com maconha que seria entregue no RS
VILA NASSER
Jovem é encontrado morto com sinais de espancamento em Campo Grande
SÉRIE D
Operário vence e respira, Corumbaense perde em casa e ressuscita Iporá
TV
Sandy e Júnior foram concebidos no mesmo dia da semana, diz mãe
CAPITAL
Membro do PCC ‘especializado’ em arremessar droga para dentro de presídios é preso
Prisão ocorreu no Jardim Noroeste, na madrugada deste domingo; Foi presa ainda uma mulher que registrava o crime em fotos e outra que era dona da cada onde estava o entorpecente.
'FÉZINHA'
Mega-Sena acumula e deverá pagar R$ 12 milhões no próximo sorteio
DOURADOS
Mulheres são presas ao tentar levar droga para maridos na PED

Mais Lidas

DOURADOS
Internos do Semiaberto são flagrados com droga e bebida em ônibus que os levava para trabalhar
DOURADOS
Encontro de carros antigos começa hoje e vai até amanhã no Centro de Convenções
DOURADOS
Homem é baleado durante a madrugada na Vila Cachoeirinha
JUTI
Catador de recicláveis é assassinado a pauladas