Menu
Busca quinta, 27 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Zeca discute gasoduto e pólo cerâmico terça-feira

09 janeiro 2004 - 16h04

O governador Zeca do PT tem quatro audiências agendadas para a próxima terça-feira, dia 13 de janeiro, no Rio de Janeiro, com diretores da Petrobras e do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). A primeira audiência será às 11 horas (horário local), com o diretor Internacional da Petrobras, Nestor Cerveró. Em seguida, ao meio-dia, Zeca reúne-se com o diretor de Gás e Energia da estatal, Djalma Rodrigues.O assunto a ser tratado em ambas as audiências é a definição do traçado do gasoduto que ligará Mato Grosso do Sul ao Distrito Federal, passando por Goiânia (GO). O governador estará acompanhado dos prefeitos Oswaldo Mochi Jr (PMDB-Coxim), Adão Rolim (PDT-São Gabriel do Oeste) e Moisés Nery (PMDB-Camapuã). Eles querem que o gasoduto parta de Campo Grande e passe pela região Norte do Estado, rumo a Goiás e daí para Brasília. O governador compartilha da mesma idéia e vai levar essa proposta aos diretores da Petrobras. No seu entender, não tem sentido construir um gasoduto numa região onde não há demanda por energia, referindo-se à cogitação de que o ramal partiria de Rio Pardo.Na parte da tarde Zeca reúne-se, às 15 horas, com o presidente do BNDES, Ricardo Lessa. O governador estará acompanhado do vice-ministro de Obras Públicas e Comunicações do Paraguai, Atílio Heiseck, que na ocasião deve formalizar o pedido de financiamento de US$ 107 milhões para a construção de uma nova ponte sobre o Rio Paraguai, entre Porto Murtinho e a Colônia Carmelo Peralta (Paraguai), além da pavimentação de 265 quilômetros da rodovia entre Carmelo Peralta e Filadélfia, no território paraguaio. Desta forma estará concretizada a primeira ligação bioceânica da América do Sul.Às 16h30 o governador tem audiência com o diretor de Comércio Exterior do BNDES, Luiz Eduardo Melin. Dessa reunião também participam os prefeitos do Norte do Estado, que buscam financiamento do bando para a implantação de um pólo cerâmico na região. Zeca acredita na viabilidade do projeto e prometeu engajar-se para concretiza-lo. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
‘Cassems Itinerante’ leva atendimento em Psiquiatria para Dourados e mais duas cidades
MANDADO DE PRISÃO
Em abordagem por pesca ilegal, PMA captura foragido da justiça
OPORTUNIDADE
Vale Universidade recebe inscrições a partir do dia 3 de março
LEGISLATIVO
Assembleia realiza audiência para apresentação de relatórios da Saúde
COVID-19
Desinfetante, álcool e água sanitária podem eliminar o Coronavírus
CAMPO GRANDE
Suposto receptador exige R$ 4 mil para devolver S-10 furtada
COTAÇÃO
Dólar fecha a R$ 4,44 e renova patamar recorde
SETE QUEDAS
Homem é preso com arma de fogo e munições em área rural
SUJEITO A PUNIÇÃO
Estados e municípios têm até domingo para informar gastos com saúde
UFGD
Universidade abre inscrições para aulas gratuitas de zumba

Mais Lidas

MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar
INVESTIGAÇÃO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista
PONTA PORÃ
Estado monitora caso suspeito de Coronavírus na fronteira