Menu
Busca quarta, 26 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Uso da mandioca na fabricação de pães será tema de curso

16 agosto 2002 - 15h26

A Secretaria da Produção (Seprod), promove às 13h30 da próxima quarta-feira, curso sobre adição de fécula de mandioca na farinha de trigo na fabricação de pães e similares. O curso é direcionado a panificadores e dá continuidade aos trabalhos de divulgação e promoção dos produtos derivados da raiz de mandioca. As inscrições são limitadas e devem ser feitas através dos telefones 318-5021 ou no Sindicato dos Panificadores no 382-9298.
Paralelamente ao curso, às 19 horas do mesmo dia será realizada a palestra “A importância sócio-econômica da adição de fécula de mandioca na fabricação de pães e massas alimentícias”. Em seguida haverá degustação dos produtos fabricados com a adição de fécula, que serão produzidos no curso de capacitação de panificadores promovido pela Câmara Setorial da Mandioca (CSM/MS).

Deixe seu Comentário

Leia Também

REGIÃO
Delegado pede prisão de acusado pelo assassinato de ex-prefeito e governo decreta luto por 3 dias
FUTEBOL
Flamengo e Independiente del Valle decidem hoje a Recopa SUl-Americana
COMER BEM
Marmita Torre: comodidade e praticidade no dia-a-dia das famílias
DOURADOS
Casal agride mulher e leva celular dela em assalto no Centro
Educação
Hiperpoliglotismo: tudo sobre a habilidade de falar muitos idiomas
SUSPEITA EM SP
Isolamento domiciliar em caso suspeito de coronavírus é previsto em MS
DOURADOS
Após furtar compra de R$ 678, mulher paga mais de R$ 1 mil para responder em liberdade
FUTEBOL AMADOR
Congresso técnico define últimos detalhes da Copa Abevê, que terá 28 equipes
MS-276
Homem que pagou R$ 2,5 mil por CNH a despachante é preso com documento falso
ELEIÇÕES 2020
O fim das coligações proporcionais

Mais Lidas

DOURADOS
Ex-prefeito de Amambai não resiste e morre no Hospital do Coração
MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
ATENTADO
Aeronave pousa em Dourados e fica a disposição de Lanzarini
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar