Menu
Busca sábado, 23 de junho de 2018
(67) 9860-3221

Unicef diz que 24% dos adolescentes indígenas são analfabetos

12 dezembro 2003 - 10h04

Os números fazem parte do Relatório da Situação da Infância e da Adolescência Brasileira que foi divulgado ontem em todo o país. Em Campo Grande o Oficial do UNICEF para o Centro-Sul, Salvador Soller, disse que os números são preocupantes e amostram que as ações desenvolvidas até agora não estão surtindo efeito. Soller disse ao Dourados News que é preciso fixar os jovens indígenas nas aldeias e impedir que eles precisem deixar as áreas indígenas para trabalhar em destilarias, como bóias-frias e em outras atividades. Soller disse que projetos como o Poty que foi premiado recentemente pela Fundação Itaú e que é desenvolvido na Aldeia Tey Kue em Caarapó podem ser o começo para mudar este quadro. Este final de semana Salvador Soller estará visitando áreas indígenas na região da Grande Dourados. (Antonio Coca)

Deixe seu Comentário

Leia Também

FRAUDE
Vodca e uísque são as bebidas mais falsificadas; veja como descobrir
FRONTEIRA
Ação entre PF e PRF apreende cerca de 5 toneladas de maconha
PORNOGRAFIA
Vaticano condena sacerdote acusado de pedofilia a cinco anos de prisão
CAMPO GRANDE
Após 5 horas, garota desce de caixa d’água e é levada para UPA
FUTEBOL
Alemanha bate a Suécia no último lance do jogo e respira na Copa
CONTRABANDO
Polícia descobre depósito com mil caixas de cigarros e prende trio
FUTEBOL
Campeonato Estadual Sub-19 começa neste final de semana
DOE SANGUE, DOE VIDA
Hemosul precisa de doações de sangue: Confira onde doar em MS
FUTEBOL
México vence a Coreia do Sul e fica a um passo da classificação
EXÉRCITO BRASILEIRO
Jovens nascidos em 2000 devem fazer o alistamento militar

Mais Lidas

DOURADOS
Suspeito nega envolvimento, mas é autuado por latrocínio
DOURADOS
Assassinato de andarilho pode ter ocorrido dentro de barraco
DOURADOS
Corpo encontrado carbonizado seria de andarilho
POLÍCIA
Homem morre em Dourados após acidente na BR-163