Menu
Busca Sábado, 20 de Janeiro de 2018
(67) 9860-3221
Bigolin

UEMS/CG terá Centro de Documentação em Educação, Diversidade Cultural e Linguagens

10 Dezembro 2012 - 15h15


A Fundação de Apoio do Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (Fundect) aprovou um projeto proposto por professoras do curso de Pedagogia e Letras da UEMS que visa a construção de um Centro de Documentação em Educação, Diversidade Cultural e Linguagens de Mato Grosso do Sul. O projeto, coordenado pela professora Kátia Cristina Nascimento Figueira e tem a finalidade estimular as pesquisas desenvolvidas na área e preservar informações relevantes para a compreensão da educação, da diversidade cultural e das linguagens de Mato Grosso do Sul.


De acordo com Kátia Figueira, o acervo do referido Centro terá ênfase nas fontes documentais sobre as Instituições Escolares do Estado de Mato Grosso do Sul, no período de 1951 a 1979; fontes orais sobre o cotidiano e as representações sobre o lugar da escola e dos espaços de aprendizagem dos povos pantaneiros e indígenas, que residem na Região Pantaneira Sul Mato-Grossense, explica. A professora salienta ainda que nessa Região há registros históricos atuais de sete grupos étnicos distintos: Atikum, Guató, Kadiwéu, Kamba, Kinikinau, Terena e Chamacoco.


O projeto será desenvolvido no período de fevereiro de 2013 a fevereiro de 2014 e os recursos disponíveis para custeio e capital aprovado são de R$ 23,5 mil, destinados às atividades da pesquisa.


O público que será atendido pelo Centro é constituído por alunos da graduação, alunos da pós-graduação, pesquisadores da área de ciências humanas e sociais, bem como a comunidade em geral que queira conhecer a história e a diversidade cultural do processo educativo dos povos sul-mato-grossenses.


Para a professora Maria Leda Pinto, Coordenadora do Programa de Mestrado Profissional em Letras da UEMS e integrante da equipe executora da proposta, os resultados e os benefícios do Centro de Documentação em Educação, Diversidade Cultural e Linguagens de Mato Grosso do Sul se evidenciará, a curto, médio e a longo prazo por oportunizar e constituir-se como um espaço de debate e de congregação dos profissionais, acadêmicos e pesquisadores da área da História da Educação, das Ciências da Linguagem e da Diversidade Cultural.


Nedina Stein, professora no Centro Universitário da Grande Dourados (Unigran) e pesquisadora da área de História de Educação chama atenção para o fato de que o caráter inovador da proposta para a diversidade de fontes e de temas a serem investigados no campo da Educação provoca uma fertilidade na pesquisa, notadamente para o Estado de Mato Grosso do Sul, que possui fontes historiográficas inéditas o que resulta em área promissora de estudo.


A coordenadora do curso de Pedagogia, Léia Teixeira Lacerda, também integrante da equipe executora da proposta, ressalta que esse Centro terá como principal benefício social e profissional o envolvimento de acadêmicos e de egressos em Programas de Iniciação Cientifica e de Pós-Graduação, Lato Sensu e Stricto Sensu, desenvolvidos no Estado e no país, com projetos de pesquisas educacionais que possibilitam uma melhor qualidade de vida e de ensino à educação pública e privada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
SP tem 3 mortes por reação à vacina da febre amarela; casos da doença somam 81
SP tem 3 mortes por reação à vacina da febre amarela; casos da doença somam 81
MAIS UM CASO
Drone é abatido na Penitenciária Estadual de Dourados
Drone é abatido na Penitenciária Estadual de Dourados
MS
Governo assina acordo que prevê estágio aos alunos de Medicina da UFMS de Três Lagoas
Governo assina acordo que prevê estágio aos alunos de Medicina da UFMS de Três Lagoas
DECISÃO
STJ libera posse de Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho
AÇÃO
Turismo de Mato Grosso do Sul apresenta na Espanha mais uma etapa da campanha Visit MS
INTERNACIONAL
China afirma que navio de guerra dos EUA 'violou' sua soberania
China afirma que navio de guerra dos EUA 'violou' sua soberania
INTERNACIONAL
Morre o chef Paul Bocuse, considerado 'papa' da gastronomia francesa
Morre o chef Paul Bocuse, considerado 'papa' da gastronomia francesa
MS
Bombeiros de Corumbá viajam 3 horas de barco para socorrer jovem no Pantanal
Bombeiros de Corumbá viajam 3 horas de barco para socorrer jovem no Pantanal
CAPITAL
Homem é preso por estuprar enteada de 7 anos
Homem é preso por estuprar enteada de 7 anos
POLÍTICA
Regras mais transparentes para partidos serão analisadas pela CCJ
Regras mais transparentes para partidos serão analisadas pela CCJ

Mais Lidas

Homem é executado com 12 tiros de pistola 9 milímetros
DOURADOS
Homem é rendido por bandidos, levado para mata e tem Amarok roubada
Homem é rendido por bandidos, levado para mata e tem Amarok roubada
DROGAS
Douradense é preso durante “Operação Tagi” desenvolvida pelo GAECO
GUERRA DE FACÇÕES
Justiça determina prisão de 11 envolvidos em morte brutal e liga crime ao PCC
Justiça determina prisão de 11 envolvidos em morte brutal e liga crime ao PCC