Menu
Busca quarta, 17 de outubro de 2018
(67) 9860-3221

Tribunal de Minas Gerais anula eleições da CBF

20 dezembro 2003 - 12h52

O Tribunal de Alçada de Minas Gerais publica hoje decisão anulando o resultado das eleições de julho da Confederação Brasileira de Futebol.Na última quarta-feira, três juízes do tribunal rejeitaram recurso da CBF de uma ação movida pela ONG Torcida Ativa, que pedia o cancelamento do resultado das eleições da CBF por ferir a lei.Em decisão unânime, o grupo alega que houve “falta de interesse recursal” da CBF e, por isso, a decisão de manter nulo o resultado das eleições feitas em julho.A CBF pode, ainda, recorrer ao tribunal para rever a decisão. Isso, porém, exige a reunião de todos os desembargadores, algo que só acontecerá em fevereiro, quando terminará o recesso do tribunal.Com isso, a posse de Ricardo Teixeira para mais um mandato à frente da entidade que preside desde 1989 não pode ocorrer.Com a decisão atual, o dirigente está obrigado a reconvocar as eleições. Do contrário, a partir de 1 de janeiro, quando começaria o novo mandato, a CBF não terá um presidente oficialmente empossado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Municípios não podem criar loterias próprias, afirma Supremo
OPERAÇÃO ALTA PRESSÃO
Ação em MS fiscaliza comércio de armas de fogo e munições
CAMPO GRANDE
Volume da TV resultou em assassinato de preso
OPERAÇÃO CERVO DO PANTANAL
Pecuarista é multado por desmatamento ilegal de 176 hectares
REGIÃO NORDESTE
Obras imponentes, como as torres das igrejas coloniais; conheça a cidade de Goiana
DOURADOS
Vacinação antirrábica atende região do Parque das Nações
TEMPO
Instituto emite alerta de tempestade para Dourados e outros 37 municípios em MS
AOS PAPAIS
Como escolher o sapatinho do bebê?
MS-386
Catarinenses são presos com mais de 2 toneladas de maconha escondidas em caminhão
QUARTA DA MASSA
Nhoque sem batata; confira como fazer

Mais Lidas

DOIS DIAS DEPOIS
Servidora pública é encontrada nos fundos de residência que estava para alugar
DOURADOS
Cinco anos após crime, acusados pela morte de vendedor douradense vão a júri popular
DOURADOS
Familiares continuam na busca por mulher desaparecida e criticam falsos alertas
FLAGRANTE
Polícia fecha “distribuidora” de drogas em Dourados